conecte-se conosco

Região Metropolitana

Hospital é interditado por más condições de higiene no Paraná

Publicado

O Hospital Madre Tereza de Calcutá, em Palmeira, na região dos Campos Gerais do Paraná, foi interditado pela Vigilância Sanitária Estadual. A interdição aconteceu na última terça-feira (7), mas a informação só foi divulgada nesta sexta-feira (10) pelo Coren-PR (Conselho Regional de Enfermagem do Paraná).

Segundo o Conselho, a interdição foi determinada depois de uma vistoria da 3ª Regional de Saúde sobre a grave situação irregular em que funcionava o hospital. A situação teria sido verificada em uma fiscalização do Coren-PR realizada em novembro de 2019.

A fiscalização só pôde ser feita após a entidade conseguir na Justiça um mandado de segurança. O Coren-PR relata que tentou entrar na unidade hospitalar antes, mas foi impedido pela direção do Hospital.  A fiscalização foi motivada por uma denúncia anônima.

O Coren-PR relatou que os fiscais encontraram materiais enferrujados, medicamentos vencidos, condições inadequadas de higiene e limpeza, entre outras infrações sanitárias.

Além disso, o Hospital não possuía médico de plantão e os auxiliares de enfermagem não tinham a supervisão de um enfermeiro. “Foi comunicado o Conselho Regional de Medicina sobre a inexistência de médico em plantão, entre outros eventos que expunham a população e os profissionais de saúde a risco eminente”, explica a Enfermeira chefe do Departamento de Fiscalização, Deliziê Martins.

Leia mais:  São José dos Pinhais tem a menor temperatura do ano, diz Somar

O hospital é uma instituição privada e não possui vínculo com o SUS (Sistema Único de Saúde).

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Saúde informou que as irregularidades foram comprovadas e por isso a Vigilância Sanitária fez a interdição cautelar do local. A pasta disse ainda que a medida por ser retirada após a regularização do hospital.

O Ministério Público do Paraná vai investigar o caso.

O Paraná Portal tentou contato com a direção do Hospital Madre Tereza de Calcutá, mas até a publicação desta reportagem ninguém foi encontrado.

Comentários Facebook

Região Metropolitana

IPVA 2022 Paraná: veja como pagar com Pix ou em até 12x

Publicado

Primeira parcela e cota única do IPVA 2022 Paraná começa a vencer e pagamento pode ser feito via Pix ou em até 12x no app Zul+

O IPVA 2022 Paraná começou a vencer hoje (17/01) em todo o estado. E embora esteja mais caro devido à valorização dos carros no Brasil, há uma boa notícia para o motorista paranaense.

O Zul+, principal Autotech da América Latina, permite o pagamento do tributo de maneira descomplicada e inteligente. Com o app, é possível quitar o IPVA e o licenciamento do veículo em menos de 1 minuto com Pix ou em até 12x no cartão de crédito.

Quando vence o IPVA 2022 no Paraná?

O IPVA 2022 começa a vencer no dia 17 de janeiro no Paraná para veículos com placa final 1 e 2. Vale lembrar que o pagamento adiantado já está disponível e não é necessário aguardar o dia exato do vencimento do seu veículo para quitar o imposto.

Veja o calendário completo do IPVA 2022 PR abaixo e saiba até quando você pode pagar.

Saiba como pagar o IPVA 2022 no Paraná

Você pode pagar o IPVA 2022 PR de maneira simples, segura e inteligente com o app Zul+. Veja o passo a passo a seguir:

Leia mais:  Setran alerta para site que promove leilões de veículos de forma ilegal

1) Baixe o app Zul+ aqui

2) Acesse a função de “IPVA”

3) Cadastre seu veículo para consultar o valor do tributo

4) Escolha a melhor opção de pagamento: Pix, parcelado com o Governo ou em até 12x no cartão de crédito

5) Deslize o dedo para pagar

É seguro pagar o IPVA no Zul+?

Sim! O Zul+ é a principal Autotech da América Latina e mais de 3 milhões de motoristas já utilizaram o app para pagar suas taxas.

 Ao todo, são mais de 19 milhões de transações realizadas, 110 mil avaliações nas lojas de aplicativos e uma nota 4,9 de 5 estrelas. Tudo isso graças à simplicidade e segurança que o app oferece ao motorista brasileiro.

 Vale dizer que após você confirmar o pagamento do IPVA no app, o Zul+ quita o débito junto à Secretaria da Fazenda e te envia um comprovante via e-mail com todas as informações necessárias.

O que acontece depois de pagar o IPVA?

Com o IPVA quitado, você já consegue realizar o licenciamento anual do veículo. No app Zul+, você inclusive pode fazer os dois juntos.

Leia mais:  Paraná fecha um terço dos leitos de internação pediátrica em nove anos

 O licenciamento é fundamental para regularizar a circulação do veículo no Brasil e liberar a emissão do documento eletrônico, o CRLV Digital 2022.

E o que acontece se você não pagar o IPVA?

O IPVA atrasado não rende multa de trânsito e nem apreensão do veículo. No entanto, deixar de pagar o imposto não é uma boa ideia. Confira abaixo todas as consequências do não pagamento:

1) Juros de 0,33% por dia de atraso

2) Bloqueio do licenciamento e do CRLV Digital

3) Nome inscrito na dívida ativa

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana