conecte-se conosco

Curitiba

Viu luzes no céu de Curitiba neste domingo? Saiba o que foi isso e quando o fenômeno vai se repetir

Publicado

Os mais eufóricos acharam que se tratava de uma invasão espacial, outros que era uma “carreata” de OVNIs (Objetos Voadores Não Identificados) e a maioria nem sabe o que tá rolando. Mas na noite deste domingo (10) uma série de luzes brilhantes riscaram o céu de Curitiba e região e deixaram intrigados quem olhou para cima. Afinal, o que aconteceu? Não estamos mais sozinhos?

Na verdade o “fenômeno” já não é novidade, visto que mais gente viu a mesma coisa em outras oportunidades. As luzes observadas no nosso céu são alguns dos milhares de satélites prometidos pelo multibilionário Elon Musk (dono da Tesla e da Space X) para levar internet a todos os cantos do planeta Terra. Esses são os primeiros efeitos de uma grande polêmica levantada pelo projeto do empresário.

Starlink é o nome da iniciativa que, inicialmente, vai pôr em órbita 12 mil satélites iguais. Eles têm por objetivo formar uma rede que permitirá levar internet de alta velocidade até os locais mais remotos do nosso planeta. A comunidade científica teme que haja prejuízos para o mundo como um todo no que diz respeito à observação do espaço. Hoje são aproximadamente 4 mil satélites rodeando nosso planeta. O problema é que alguns especialistas dizem que os 12 mil que Elon Musk pretende lançar não serão suficientes, e que o número pode chegar a 40 mil

Leia mais:  Garoa em Curitiba nesta quinta-feira. Mas e o calor, quando volta?

“A rede será formada por 12 mil satélites de órbita baixa (em torno de 550 km de altitude), cada um com massa de 230 kg aproximadamente. Cada lançamento coloca em órbita 60 satélites, que formam uma fila indiana visível durante alguns dias após o lançamento. Conforme cada satélite migra para sua posição específica, a fila se desfaz”, explicou Anísio Lasievicz, diretor do Parque da Ciência do Paraná.

 

 

Comentários Facebook

Curitiba

VÍDEO: Ônibus com 37 pessoas perde o freio na serra entre Curitiba e Joinville

Publicado

Um ônibus de viagem que fazia o trajeto Belém (PA) – Florianópolis (SC) perdeu os freios enquanto trafegava na rodovia BR-376 na madrugada da Última quarta-feira, 6. O veículo ocupado por 37 passageiros, sendo oito crianças, atingiu 118 km/h e só parou depois de entrar na área de escape do quilômetro 671,7, em Guaratuba (PR). Ninguém se feriu.

De acordo com a Arteris Litoral Sul, concessionária do trecho, o ônibus entrou 115 metros na área de escape por volta da 1h45. O condutor relatou às equipes que não conseguiu mais utilizar os freios dois quilômetros antes da área e, como ele já conhecia o dispositivo, direcionou o ônibus para entrada.

O motorista e os passageiros foram transportados até um posto de apoio para seguirem viagem com suporte da empresa responsável.

Segundo a concessionária, essa foi a sexta vez que um ônibus usou a área de escape, inaugurada em agosto de 2011. Neste período ela foi utilizada por 257 veículos pesados, ajudando a salvar 376 vidas.

Leia mais:  Oficinas credenciadas pela JMK para conserto de veículos oficiais do Paraná ficam no prejuízo

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana