conecte-se conosco

Geral

MDB nega debandada e reafirma apoio à candidatura de Wellington Fagundes

Publicado

Principal aliado e apoiador da pré-candidatura do senador Wellington Fagundes (PR) ao governo do Estado, o MDB descartou qualquer possibilidade de abandonar o candidato da oposição para abrir diálogo com o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (DEM), também pré-candidato ao governo.

Por meio de nota, a líder da sigla na Assembleia Legislativa (ALMT), deputada Janaina Riva, disse que qualquer informação sobre essa possibilidade seria “plantação”.

“A informação de apoio ao Mauro é inverídica. E falo isso com propriedade já que o presidente do MDB, deputado federal Carlos Bezerra, está em São Paulo e eu fiquei como responsável pelo partido nas negociações da composição da chapa majoritária, junto com os deputados Silvano Amaral e Romoaldo Junior”, finaliza a parlamentar ao reforçar que seu partido confia na pré-candidatura do Wellington Fagundes.

A declaração ocorre em meio às especulações de que Wellington poderia recuar para um eventual apoio a Mendes no pleito de outubro. Oficialmente, o MDB é a sigla que indicaria o nome a vice na chapa de Fagundes. Tanto que Carlos Bezerra já teria comunicado que a indicação passaria pelo crivo do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro.

Leia mais:  Entrada de dólares supera saída em US$ 3,7 bilhões em junho

Além do MDB, Fagundes já conta com o apoio do PTB, PP e PCdoB. O PSD em que estava mantendo um forte diálogo, acabou se aproximande de Mauro Mendes e deverá compor a chapa do ex-prefeito. O MDB é a sigla com o segundo maior tempo de rádio e TV, com 1,1 minutos, perdendo apenas para o PT.
Fonte: Gazeta Digital

Comentários Facebook

Geral

PF desarticula quadrilha que roubava funcionários dos Correios na Grande Curitiba

Publicado

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta a segunda fase da operação Mascarados, que tem como o objetivo de desarticular grupo suspeito de efetuar seis roubos contra funcionários dos Correios no ano de 2020, em Curitiba e Colombo, no Paraná. Os fatos criminosos ocorreram no mês de dezembro, quando um grande volume de mercadorias SEDEX são distribuídas pelos Correios, em razão das compras de natal.

Conforme foi identificado na investigação policial, os criminosos utilizaram arma de fogo para praticar o crime, abordando o carteiro e roubando o veículo de distribuição. A subtração dos objetos postais do veículo ocorria de forma rápida em um ponto ainda próximo ao local dos fatos, ocorrendo o transbordo para um veículo dos suspeitos. A divisão dos objetos roubados era realizada em uma das residências dos investigados, no município de Colombo/PR.

A prisão no dia de hoje ocorreu no município de Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. O preso será indiciado pelo crime de receptação e roubo qualificado, cuja pena pode chegar a 15 anos de reclusão.

Leia mais:  Anvisa propõe plantio de maconha em locais fechados e com acesso controlado por biometria

O mandado judicial foi expedido 9ª Vara da Justiça Federa em Curitiba/PR.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana