conecte-se conosco

Região Oeste

Delatores da Operação Pecúlio fecham novo acordo para pagar indenização com realização de obras na saúde

Publicado

G1 PR

Os empresários Fernando Bijari, Nilton Beckers e Vilson Sperfeld fecharam um novo acordo com o Ministério Público Federal (MPF) para pagar a indenização referente aos danos causados por desvios ilegais investigados na Operação Pecúlio, da qual são delatores.

O acordo foi autorizado pela Justiça Federal, e prevê que os delatores façam o pagamento de R$ 5,4 milhões com a realização de obras (sem que haja qualquer tipo de lucro) e com a entrega de maquinários para o município, com preço abaixo do valor de mercado.

Os empreiteiros foram presos na primeira fase da Operação Pecúlio, em 19 de abril de 2016. A operação investiga desvio de recursos destinados a serviços do Sistema Único de Saúde (SUS).

Obras

As obras previstas no novo acordo são a reforma e ampliação do Centro de Especialidades Médicas, a reforma dos postos de saúde do Morumbi 2, Campos do Iguaçu, Vila Carimã, Porto Belo, Jardim Curitibano e da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) João Samek.

A execução do acordo deve ser acompanhada pelo Ministério Público Federal.

Leia mais:  Justiça determina afastamento de presidente de comissão que investiga compra de bolos

Conforme o MPF, até esta quarta-feira (17), os delatores depositaram R$ 1 milhão em dinheiro, valor que será repassado para o Hospital Municipal de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.

Novo acordo

Em um primeiro acordo, os três delatores haviam se comprometido a pagar indenização e reconheceram que as práticas ilícitas apontadas pela investigação causaram danos ao patrimônio público.

Porém, às vésperas do fim do prazo para o pagamento, a defesa dos empreiteiros afirmou que eles não tinham condições de pagar a indenização em dinheiro.

A justificativa da defesa foi a crise financeira enfrentada pelos delatores em razão da operação e da publicidade negativa causada pela divulgação dos fatos criminosos.

G1 tenta contato com a defesa dos citados.

Comentários Facebook

Região Oeste

Prefeitura e Câmara debatem início das atividades do programa Foz Conhecendo Foz

Publicado

O Executivo e o Legislativo municipal debateram a efetivação do programa Foz Conhecendo Foz, uma ação estratégica que visa fortalecer o turismo, gerar renda e emprego para centenas de trabalhadores afetados pela pandemia da Covid-19.

A reunião foi realizada na tarde de quarta-feira, 6 de janeiro, com a presença do vice-prefeito, Delegado Francisco Sampaio e da vereadora Anice Gazzaoui, presidente da Comissão de Turismo da Câmara e idealizadora do programa.

Também participaram da reunião o Secretário de Turismo, Paulo Angeli; a diretora de gabinete, Elaine Anderli; o presidente da LIGUIA (Liga Independente dos Guias de Turismo de Foz do Iguaçu), Carlos Alberto; o presidente da COOTRAFOZ, Vitalino Capeletto; e o presidente do SINPROVET (Sindicato dos Motoristas de Vans Escolares) Eudes Maurício Guiotto.

“Definimos alguns encaminhamentos de como será a parte operacional. O Programa terá início no dia 16 de janeiro às 09h da manhã com o primeiro start. Houve o cadastramento e com essas definições o programa entrará em operação”, explicou a vereadora.

“Essa iniciativa da Câmara, acatada pelo prefeito Chico Brasileiro, vai ajudar estes profissionais que tanto sofreram com a pandemia. Nosso objetivo é auxiliar essas pessoas, gerando emprego e renda e contribuindo com a retomada do turismo”, afirmou o vice-prefeito, Francisco Sampaio.

Leia mais:  Operação Muralha completa 40 dias com R$ 25 milhões em mercadorias apreendidas

Inscrições

As inscrições para os profissionais seguem abertas e podem ser feitas na sede da Prefeitura, na Praça Getúlio Vargas, nº 280, Centro, no horário das 8h30 às 14h. Até o momento 116 profissionais do transporte escolar e 167 guias de turismo estão cadastrados.

O programa tem o objetivo de proporcionar, exclusivamente aos moradores de Foz do Iguaçu, visita aos atrativos turísticos. A ideia é contemplar quase mil profissionais do turismo e do transporte escolar que farão os passeios com a população local. A ação conta com auxílio da Secretaria Municipal de Turismo, responsável pela implantação do programa.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana