conecte-se conosco

Cidades

Colégio Estadual do Paraná abre inscrições para cursos técnicos gratuitos

Publicado

G1 PR

O Colégio Estadual do Paraná (CEP) abriu nesta segunda-feira (24) as inscrições para 385 vagas em sete cursos técnicos gratuitos. Os cursos são voltados a pessoas que já concluíram o Ensino Médio.

São ofertadas vagas para Técnico de Administração (105), Técnico de Edificações (70), Técnico de Informática (70), Técnico de Produção de Áudio e Vídeo (35), Técnico de Saúde Bucal (35), Técnico de Secretariado (35) e Técnico de Teatro (35).

As aulas estão previstas para começar no segundo semestre do ano letivo de 2019.

Inscrições

Para se inscrever, é necessário levar a ficha de inscrição disponibilizada no site devidamente preenchida, junto com a documentação necessária, até a sede do Colégio Estadual, que fica na Av. João Gualberto, 250, no Alto da Glória, Curitiba.

Confira a lista de documentos exigidos no ato da inscrição:

  • Original e cópia do Histórico Escolar de conclusão do Ensino Médio (o original será devolvido);
  • Cópia da Certidão de Nascimento ou Casamento;
  • Cópia do RG e do CPF;
  • Cópia da fatura de energia elétrica;
  • Cópia do comprovante de renda familiar (contracheque, carteira de trabalho ou declaração de autônomo);
  • Caso seja beneficiário em programas federais de transferência de renda, levar cópia do comprovante de inclusão, contento o número do NIS (Cartão Bolsa Família, extrato bancário, outros).
Leia mais:  É tempo de Festa da Tainha em Paranaguá. Veja a programação e outros passeios na cidade

Comentários Facebook

Cidades

Prefeito evangélico é alvo de macumba em Mato Grosso

Publicado

O prefeito Jeferson Ferreira Gomes (DEM), de Comodoro, extremo oeste de MT, que é evangélico, foi surpreendido por um “despacho espiritural” no cemitério da cidade. A informação é do site Olhar Direto.

Segundo a publicação, o despacho foi descoberto na primeira quinzena neste mês.

No local havia um papel com nome do prefeito em cruz, garrafa de cachaça e um sapo morto. Tudo junto e misturado. O “trabalho” foi descoberto por uma moradora que visitava o túmulo de parente.

O despacho estava na porta, com terra de cemitério sobre o nome.

Não se sabe por quais motivos, alguém deseja a morte do prefeito, que não comentou o assunto.

Mistério!

Comentários Facebook
Leia mais:  Homem é assassinado e tem motocicleta levada em Ponta Grossa, diz polícia
Continue lendo

Mais Lidas da Semana