conecte-se conosco

Esportes

Torcida do Paraná Clube vem deixando a desejar em 2019

Publicado

Tribuna Paraná Por Juliana Fontes

Ainda desconfiado pelos péssimos resultados de 2018, o torcedor do Paraná Clube ainda não compareceu em grande número na Vila Capanema nesta Série B do Campeonato Brasileiro. O melhor público do Tricolor na competição – e no ano – foi no confronto diante do Operário, no último compromisso do time antes da parada para a Copa América, quando 6.258 pessoas viram o time vencer o Fantasma por 1×0 e ficar mais próximo do G4.

Apesar de o Paraná ainda não ter perdido em casa na Segundona, e o Durival Britto e Silva ter uma capacidade liberada para 17.140 pessoas, faz mais de um ano que o estádio não recebe um público que chegue próximo ao limite máximo. No ano passado, na volta à Série A depois de dez anos, a Vila recebeu 16.772 pessoas na derrota por 4×0 para o Corinthians, no dia 22 de abril. Depois disso, rodada a rodada, os paranistas foram se afastando de casa diante de resultados ruins e sem perspectiva de reação.

Leia mais:  Palmeiras segue firme nos treinos visando a Copa do Brasil

Neste ano, a média de público do Tricolor é de apenas 3.258 pessoas por partida, em um total de dez confrontos em casa, o que dá uma ocupação de apenas 19% do estádio. Na segunda divisão, a média é um pouco maior, subindo para 4.472 torcedores por jogo. Os números são tímidos, mas refletem a fase da equipe e podem subir caso o Paraná continue com a boa sequência que vem tendo.

Contra o Operário, por exemplo, o time vinha de uma vitória no clássico diante do Coritiba por 3×2 e o triunfo fez com que o Paraná chegasse à sétima colocação, com 13 pontos, apenas dois a menos que o quarto colocado. Após a retomada da competição, e caso continue em uma crescente, a Vila Capanema pode em breve repetir os bons públicos conquistados em 2017, na campanha do acesso.

Comentários Facebook

Esportes

No Rio de Janeiro, Coelho treina e se mobiliza para o grande duelo contra o Flamengo

Publicado


O América realizou, na tarde desta sexta-feira, seu segundo treinamento para o próximo compromisso do Campeonato Brasileiro. Já no Rio de Janeiro (RJ), o time comandado pelo técnico Lisca trabalhou no Estádio das Laranjeiras focado na partida contra o Flamengo-RJ pela 3ª rodada da competição. O confronto está marcado para o Maracanã, às 16h deste domingo.

A primeira atividade do Coelho para a partida foi realizada ainda em Santa Catarina, na manhã de quinta. Em seguida, a delegação seguiu para Florianópolis (SC), onde passou a noite, e logo cedo embarcou para o Rio.

Diante do Flamengo-RJ, o América buscará seus primeiros pontos no Brasileirão.

Nas Laranjeiras, o trabalho começou com uma ativação com bola, seguida de exercícios físicos coordenados pelo preparador Gerson Rocha. Enquanto isso, os goleiros Matheus Cavichioli e Jori foram para o campo e treinaram forte conforme as orientações do preparador Silvio Jardim.

Novamente sob chuva, que caiu sobre a capital fluminense, os atletas americanos tiveram um treino tático comandado por Lisca. Em espaço reduzido, os jogadores trabalharam alguns aspectos visando ao confronto com o Flamengo-RJ.

  Palmeiras realiza treino técnico visando o confronto contra o Coritiba

Leia mais:  Direto do CT: elenco realiza aprimoramento técnico e tático

Após a atividade tática, Lisca deu atenção especial às jogadas de criação e finalização, objetivando o aumento da eficácia.

O lateral-esquerdo Marlon, que sentiu o joelho esquerdo após uma dividida na partida contra o Corinthians-SP, no último domingo, teve diagnosticado um estiramento no ligamento e permanece em tratamento no Departamento Médico do CT Lanna Drumond. No duelo contra o Criciúma-SC, na quarta-feira, ele já não pôde atuar por ter jogado a Copa do Brasil pelo Sampaio Corrêa-MA.

Outra baixa na equipe americana para a próxima partida é o volante Zé Ricardo, que apresentou incômodo na coxa esquerda e retornou a Belo Horizonte nesta sexta para prosseguir o tratamento.

Por outro lado, o time americano ganha mais três opções para o confronto com o Flamengo-RJ: o lateral-esquerdo Alan Ruschel e os volantes Juninho Valoura e Sabino viajaram para o Rio de Janeiro e se juntaram à delegação na manhã desta sexta-feira.
Após o treino, a delegação americana retornou ao hotel em que está hospedada no Rio de Janeiro. Neste sábado, às 15h30, o Coelho finaliza sua preparação com mais uma atividade nas Laranjeiras.

  Bahia pode garantir permanência na Série A na próxima rodada

Leia mais:  Sub-17| Fluminense empata com São Paulo e leva decisão para o Rio

Confira o áudio da entrevista com o lateral João Paulo:

fonte: https://agenciaesporte.com.br/wp-admin/post-new.php

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana