conecte-se conosco

Curitiba

Mulheres superam câncer e comemoram autoestima com uso de touca para reduzir queda de cabelo durante o tratamento em Curitiba

Publicado

G1 PR

O uso de uma touca inglesa que promete reduzir em até 80% a perda de cabelo durante o tratamento de quimioterapia, ajudou muito a garantir a autoestima da Cristiane Zanikoski e da Sabrina Nassuno.

As duas se conheceram durante o tratamento, no Centro de Oncologia do Paraná, e atualmente comemoram vida nova.

A touca é chamada de Scalpcooler e tem aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O experimento foi criado em 1997 e chegou ao Paraná em abril do ano passado.

Cristiane foi a primeira a usar no Centro de Oncologia e aprovou a ideia.

“Um receio que eu tinha de começar um tratamento era a perda do cabelo e a sensação das pessoas me verem como uma pessoa doente. Isso que eu não queria, transmitir essa situação”, disse Cristiane.

Sabrina disse que não ficou presa dentro de casa, como imaginava que ficaria durante o tratamento por conta da possibilidade de ficar careca.

“Eu acha que se eu, realmente, ficasse careca, eu não teria muita coragem de sair”, explicou Sabrina.

Estudos mostram que a chance da pessoa desenvolver depressão pós tratamento do câncer pode chegar a 30%.

“O acompanhamento médico e, muitas vezes, psicológico, depois de terminado o tratamento do câncer é muito importante pra que a gente possa detectar de uma forma bem ativa o que a paciente precisa de seguimento.

Se ela precisa de um acompanhamento mais de perto de determinada especialidade como uma psicologia, às vezes até psiquiatria, nutrição, e do próprio oncologista clínico”, disse o médico Manuel Caitano Maia.

Ela afirmou ainda que existem evidências científicas que comprovam que, para câncer de mama e próstata, manter uma atividade física diária ou com uma frequência boa é excelente para reduzir os riscos de recorrência da doença.

Agora, Cristiane e Sabrina aproveitam para curtir a amizade e aprender juntas atividades novas no dia a dia.

Comentários Facebook
Leia mais:  Curitiba recebe festival com o primeiro cinema a céu aberto 'pet friendly'

Curitiba

VÍDEO: Ônibus com 37 pessoas perde o freio na serra entre Curitiba e Joinville

Publicado

Um ônibus de viagem que fazia o trajeto Belém (PA) – Florianópolis (SC) perdeu os freios enquanto trafegava na rodovia BR-376 na madrugada da Última quarta-feira, 6. O veículo ocupado por 37 passageiros, sendo oito crianças, atingiu 118 km/h e só parou depois de entrar na área de escape do quilômetro 671,7, em Guaratuba (PR). Ninguém se feriu.

De acordo com a Arteris Litoral Sul, concessionária do trecho, o ônibus entrou 115 metros na área de escape por volta da 1h45. O condutor relatou às equipes que não conseguiu mais utilizar os freios dois quilômetros antes da área e, como ele já conhecia o dispositivo, direcionou o ônibus para entrada.

O motorista e os passageiros foram transportados até um posto de apoio para seguirem viagem com suporte da empresa responsável.

Segundo a concessionária, essa foi a sexta vez que um ônibus usou a área de escape, inaugurada em agosto de 2011. Neste período ela foi utilizada por 257 veículos pesados, ajudando a salvar 376 vidas.

Leia mais:  Homem é morto com nove tiros, na frente do filho de oito anos, na Grande Curitiba

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana