conecte-se conosco

Geral

Mais de 2 mil motoristas já têm CNH digital que pode acessada via celular

Publicado

Quando o assunto é Carteira Nacional de Habilitação o Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) tem investido em tecnologia e inovação. Em fevereiro deste ano, o presidente do Detran-MT, Thiago França, colocou em vigor o serviço de CNH digital, gratuitamente. Por meio dela, o condutor pode ter acesso a sua carteira de habilitação através do seu celular, substituindo assim a CNH impressa.

“A partir da Portaria 184 do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), publicada em 2017, a Carteira Nacional de Habilitação Digital foi lançada como um projeto que revolucionaria por permitir que a CNH fosse por meio eletrônico. Em fevereiro deste ano, colocamos em prática e o resultado tem sido surpreendente, já contabilizamos até o momento 2.370 condutores portando a CNH digital. Uma adesão que nos motiva e mostra como a tecnologia aliada aos serviços é uma realidade e necessidade hoje em dia”, afirma Thiago França.

A CNH Digital é a versão eletrônica da Carteira Nacional de Habilitação e tem o mesmo valor jurídico da versão impressa. O novo documento propicia maior mobilidade, praticidade e comodidade. Para ter acesso ao documento na versão eletrônica, o motorista deverá possuir habilitação impressa com QR Code.

Leia mais:  Entrevista na Rádio Correio da Serra FM

O usuário interessado deverá se cadastrar no Portal de Serviços do Denatran. Em seguida, presencialmente o usuário deverá atualizar seus dados em qualquer unidade do Detran no Estado, caso não tenha uma assinatura digital. Na sequência, deve baixar gratuitamente no celular em lojas oficiais (Apple e Google) o aplicativo da CNH Digital.

Retornar ao portal de serviços do Denatran e solicitar o código de ativação e, para finalizar, entrar no aplicativo novamente para cadastrar uma senha simples de quatro dígitos. Essa senha será utilizada toda vez que precisar acessar sua CNH pelo celular.

 

Fonte: Gazeta Digital

Comentários Facebook

Geral

Eleições 2022: Ratinho Junior anuncia primeiras mudanças no secretariado

Publicado

Arquivo/Rodrigo Félix Leal/AEn

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), anunciou nesta quarta-feira (12) as primeiras mudanças no secretariado de olho nas Eleições de 2022. As trocas serão efetivadas na próxima segunda-feira (17).

O atual secretário-chefe da Casa Civil, Guto Silva (PSD), deixará o cargo para retomar o mandato como deputado estadual. Ele deve se lançar candidato à reeleição, ou concorrer à Câmara dos Deputados ou Senado Federal.

O posto dele será ocupado pelo atual secretário João Carlos Ortega, que chefiava a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas. A pasta agora será conduzida pelo ex-prefeito de Pato Branco Augustinho Zucchi (Podemos).

Outra mudança é na Chefia de Gabinete, que passará a ser conduzida pelo ex-presidente da AMP (Associação dos Municípios do Paraná) Darlan Scalco (PSDB). O atual chefe, Daniel Villas Bôas, assume a Superintendência de Relações Institucionais.

Sem mencionar as Eleições 2022, o governador Ratinho Junior afirmou que o objetivo das mudanças é reforçar o atendimento aos municípios e fortalecer o diálogo com o terceiro setor, o empresariado e com os outros órgãos.

Leia mais:  Justiça: Prefeitura abasteceu ônibus escolar que não tinha rodas

“Tenho plena confiança em cada pessoa que assume esses cargos. Fizeram excelentes trabalhos em seus postos anteriores”, disse ele, por meio da Agência Estadual de Notícias.

Outras mudanças são esperadas nas próximas semanas. O prazo limite para que os futuros candidatos às Eleições 2022 se afastem de cargos públicos é dia 1º de abril, seis meses antes do pleito.

Na lista de futuros candidatos estão os também secretários estaduais Ney Leprevost (Justiça e Família), Sandro Alex (Infraestrutura e Logística) e Beto Preto (Saúde).

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana