conecte-se conosco

Esportes

Inter empata com o Brasil no Gigante

Publicado


O Internacional recebeu o Brasil de Pelotas, na noite desta quarta-feira (16/02), em duelo da sétima rodada do Gauchão de 2022. Após abrir o placar com Taison, ainda no primeiro tempo, o Colorado foi vazado no reinício de confronto, por Paulo Victor, e empatou em 1 a 1 com o Xavante, resultado que leva o time de Medina aos 12 pontos na tabela. Agora, o Clube do Povo volta suas atenções para o São José, adversário no próximo domingo (20/02), às 20h30, fora de casa.


Inter larga em vantagem no primeiro tempo

Colorado encerra a rodada com 12 pontos na tabela/Foto: Ricardo Duarte

O Inter marcou pressão desde o minuto de abertura do confronto, e até conseguiu boas recuperações de posse no campo de ataque, mas sem deixar de sofrer para encaixar uma troca de passes verdadeiramente vertical. Com espaço para percorrer, a primeira trama de perigo do Clube do Povo saiu aos 12, e envolveu Mauricio, Taison e Wesley. Por detalhe, a assistência do meio-campista 27 para o ídolo dono da sete não foi bem-sucedida, muito por conta da atenção do goleiro Marcelo, que deixou sua meta para ficar com a bola.

O controle colorado tomou maior volume a partir do minuto 26, quando Gabriel, estreante entre os titulares e no Beira-Rio, percebeu Mauricio com espaço, e serviu o companheiro. Dentro da área, o meio-campista finalizou, com grande força e perigo, por cima do travessão. Escalado com o objetivo de explorar os contra-ataques, o Brasil assustou no instante seguinte, quando Paulo Victor até driblou Daniel, mas perdeu ângulo e, antes de definir, foi seguramente travado pelo goleiro do Inter.

Taison comemorou em homenagem ao filho que está por vir/Foto: Ricardo Duarte

Aos 37, quem assustou foi Gabriel. O volante, de boa atuação, recebeu com espaço em frente à área do Brasil e arrematou para boa defesa de Marcelo. Pouco antes, Edenilson fora acionado na altura da meia-lua da grande área, mas não conseguiu finalizar por culpa de carrinho violento do marcador adversário. A crescente construção ofensiva resultou em gol de Taison, que recebeu grande assistência de Paulo Victor, aos 43. Diante das redes abertas, o camisa sete confirmou seu segundo tento na temporada e assegurou a vantagem alvirrubra para o intervalo.

Colorado retornou aos vestiários em vantagem/Foto: Ricardo Duarte

Brasil empata cedo

Logo aos seis da etapa final, Paulo Victor empatou para os visitantes, que logo abriram mão de postura mais ofensiva e, na contramão do visto até então no segundo tempo, abraçaram de vez sua própria meta. Fechado, o Brasil praticamente impediu que o ataque colorado invadisse sua grande área, e ainda contou com boa atuação do goleiro Marcelo para garantir a conquista de ponto importante no gramado do Beira-Rio.

Clube do Povo martelou no segundo tempo/Foto: Ricardo Duarte

Primeiro tempo

12min – UH! Inter arma veloz contra-ataque a partir do corredor central do campo. Taison, de primeira, aciona Wesley, que estica jogo até Mauricio. O camisa 27 tenta a devolução para o 7 colorado, mas ela saiu forte demais. Marcelo defende.

  Jogador do Inter D’Alessandro diz: “River e Inter são muito maiores que Boca e Grêmio”

Leia mais:  Velhos conhecidos do Trio de Ferro se reúnem em prol de causa nobre

15min – Com a mão, Marcelinho impede saída rápida do Inter desde a defesa. Amarelo apresentado.

18min – Edenilson tabela com Mauricio, escapa pela direita e cruza rasteiro, na direção de Wesley. Fechada, ela morre nas mãos de Marcelo.

23min – Mauricio e Karl recebem o amarelo após estranhamento na região central do gramado.

25min – Luiz Felipe entra em campo na vaga de Thiago Santos. Muda o Xavante.

26min – UUUUUUUUUH! Mauricio recebe de Gabriel e, frente a frente com Helerson, abre ângulo para a canhota. Forte, o arremate do meio-campista sai por cima, com perigo.

27min – DA-NI-EL! Luiz Felipe invade a área colorada em velocidade, dribla o goleiro do Inter e impede a saída da bola pela linha de fundo, mas é, antes de arrematar ou tentar o passe, cortado pelo dono da camisa 1 alvirrubra. Grande recuperação.

29min – Wesley recebe o amarelo por falta em Marllon.

34min – Heitor escapa pela direita e cruza bola venenosa na área xavante. Wesley resvala, mas não consegue direcionar o cabeceio.

35min – CARTÃO! A poucos passos da meia-lua da grande área, Edenilson é travado por carrinho frontal de Gabriel Araújo. Arbitragem assinala a falta e apresenta o cartão.

37min – MARCELO! De fora da área, Gabriel finaliza forte. Goleiro xavante espalma, mas Taison, em condição irregular, aproveita o rebote e chuta para novo milagre do arqueiro. Na sequência, lance já é paralisado.

43min – É GOL! É GOL! É GOL! É GOL! É GOOOOOOOL! É DO INTERNACIONAL! É DE ÍDOLO! É DO FUTURO PAPAI! É DE TAISON! VAMOOOOOOOOOOOOOOOO! Pela esquerda, Paulo Victor fica com a sobra de corte parcial da zaga xavante, percebe Mauricio e Taison na segunda trave e cruza rasteiro. Antes do meio-campista dono da 27, ídolo colorado completa para as redes abertas e abre a conta no Gigante!

  Grêmio finaliza preparativos para o primeiro jogo da temporada 2021, pelo Gauchão

Leia mais:  Paraná Clube estuda Bragantino pro jogo da volta da Série B

O gol de Taison na narração da Rádio Colorada

45min – Mais quatro! Vamos a 49!

46min – Taison comete falta e é advertido com cartão amarelo.

49min – Intervalo de jogo no Beira-Rio!


Segundo tempo

0min – Inter volta com mudança. Sai Wesley, entra David!

6min – De cabeça, Paulo Victor empata para o Brasil.

15min – MILAAAAAAAAAAAGRE! Johnny invade a área do Brasil pela esquerda, se aproxima da pequena área e solta o canhotaço. Marcelo, com o pé, salva!

16min – David faz bonita jogada individual pela esquerda, deixa dois para trás, invade a área e chuta rasteiro. Bola tinha o endereço, mas é travada pela zaga!

16min – UH! Cuesta cruza da intermediária esquerda de ataque. Mauricio, na segunda trave, consegue escorar, mas a bola fica nas costas de Edenilson. Quase!

17min – 523 vezes. D’Alessandro vem a campo e iguala Bibiano Pontes como segundo jogador que mais vezes defendeu o Inter na história. Te amamos, D10S! O sacado foi Gabriel.

22min – Heitor recebe o amarelo. Cometeu falta dura em cima de Menezes.

25min – No Inter, vem Caio. Mauricio deixa o campo.

25min – Brasil também muda. Zagueiro Gilberto Alemão substitui Marllon.

26min – POR CIMA! D’Ale escapa pela direita e cruza com perigo para Caio. Camisa 47 desvia por cima.

32min – Boschilia é a última novidade do Inter. Vem a campo na vaga de Paulo Victor.

33min – POR CIIIIIIIIIIIMA! Edenilson tira proveito de confusão da zaga pelotense e, da intermediária ofensiva, arrisca chute forte de perna direita. Ela saiu com enorme perigo!

37min – UH! Taison invade a área do Brasil em velocidade e tenta a assistência para David, mas é antecipado pela marcação.

37min – DEFENDE O GOLEIRO! David recebe de D’Alessandro e chuta de perna canhota. A bola resvala no zagueiro Rafael Castro e morre nas mãos de Marcelo.

38min – Luizinho agride D’Alessandro, mas é advertido apenas com amarelo.

42min – UUUUUUUUUUUUUH! De longe, D’Ale arrisca e exige milagre de Marcelo. Canto bola para o Inter!

45min – Mais sete. Vamos a 52!

45min – UH! Da esquerda da área xavante, Heitor cobra falta fechada. Marcelo espalma.

49min – David recebe de Taison, dribla dois e deixa para Edenilson, que chuta forte. A bola explode na zaga xavante.

51min – Herisson entra no lugar de Meneses.

52min – Fim de jogo.


Ficha técnica:

Internacional (1): Daniel; Heitor, Kaique Rocha, Victor Cuesta e Paulo Victor (Boschilia)33min – ; Gabriel (D’Alessandro) e Johnny; Mauricio (Caio Vidal), Edenilson e Taison; Welsey Moraes (David). Técnico: Alexander Medina.

Brasil-PEL (1): Marcelo; Marcelinho, Rafael Castro, Helerson e Gabriel Araújo; Karl e Luiz Meneses (Herisson); Luizinho, Marllon (Gilberto Alemão) e Paulo Victor; Thiago Santos (Luiz Felipe). Técnico: Jerson Testoni.

Gols: Taison, aos 43’/1ºT (I). Paulo Victor, aos 6’/2ºT (B).

Cartões amarelos: Mauricio, Heitor, Taison e Wesley (I). Karl, Gabriel Araújo, Luizinho e Marcelinho (B).

Arbitragem: Rafael Rodrigo Klein, auxiliado por Jorge Bernardi e Fabulo Diniz. Quarto árbitro: Marcelo Pereira.

Estádio: Beira-Rio.

Público: 9.578. Pagantes: 7.385. Adversários: 196. Menores: 319. Não pagantes: 1.678.

Renda: R$ 282.884,00

Imagens

Crédito: Ricardo Duarte

fonte: https://internacional.com.br/noticias/cronica-internacional-x-brasil-de-pelotas-7a-rodada-gauchao-2022

Comentários Facebook

Esportes

Inter larga em desvantagem nas oitavas da CONMEBOL Sul-Americana

Publicado

Fora de casa, o Colorado foi superado pelo Colo-Colo-CHI, nesta noite de terça-feira (28/06), na partida de ida das oitavas de final da CONMEBOL Sul-Americana. Lucero e Solari marcaram os gols da vitória de 2 a 0 do time da casa, que fez valer o fator local para largar em vantagem no embate eliminatório.

+ Confira a galeria de fotos da partida;

O Inter voltará a campo no próximo sábado (02/07), às 19h, pelo Brasileirão. Fora de casa, o time de Mano Menezes enfrentará o Ceará em duelo da 14ª rodada do Nacional. Já o confronto de volta contra os chilenos está marcado para a terça-feira que vem (05/07), no Beira-Rio, às 21h30. Contamos com teu apoio na luta pela classificação!

Apoio da torcida será fundamental na semana que vem/Foto: Ricardo Duarte

Começo movimentado

Os chilenos demonstraram sua simpatia pelos escapes em velocidade ainda no primeiro minuto, quando Solari recebeu com espaço na área colorada e finalizou por baixo. Sem rebote, Daniel defendeu. Pouco depois, quem interceptou chegadas rivais pela direita foi Mercado, preciso para travar Lucero aos quatro e aos seis.

Daniel voltou a trabalhar aos sete, diante de cabeceio de Pávez. O rival teve espaço para finalizar, mas não desviou com força. Servido por Heitor, Johnny respondeu segundos mais tarde, quando seu canhotaço morreu nos braços de Cortés. O escape do volante incendiou o Inter, que quase abriu a conta aos nove. Acionado por Alan, Pedro Henrique mandou uma bomba que passou de Cortés, mas explodiu no poste.

Pedro Henrique quase abriu o placar no começo de jogo/Foto: Ricardo Duarte

Postergando o movimentado início de confronto, Lucero abriu o placar aos 12 e quase ampliou nos minutos 16 e 17. Frente ao bom momento do adversário, o Inter tratou, primeiro, de equilibrar a posse de bola. Depois, voltou a assustar com Alan, que apareceu nas costas de Alemão, recebeu o pivô do centroavante e só não empatou por corte decisivo da marcação rival. Já atrás, Mercado seguiu com desarmes importantes para conter o ímpeto local.


Erros de passe, polêmica de arbitragem

Se o primeiro tempo foi inaugurado com jogo bastante aberto, o recomeço de partida correu muito mais truncado, e o roteiro favoreceu o Colo-Colo, que marcou o seu aos nove. Após grande confusão na intermediária de ataque mandante, Solari invadiu a área vermelha e finalizou rasteiro para anotar o segundo chileno.

Leia mais:  Atlético vence a Caldense e amplia vantagem na semi.
Segundo tempo foi bastante truncado/Foto: Ricardo Duarte

Daí em diante, os erros de passe roubaram os holofotes do embate, que tinha o 2 a 0 encaminhado como resultado final até os 43, instante em que Estêvão descontou para o Inter. Inicialmente confirmado, o lance foi anulado após longa consulta do árbitro ao VAR. Na próxima terça-feira (05/07), o Clube do Povo contará com o apoio de sua torcida para reverter a desvantagem e buscar a classificação às quartas da América.


Primeiro tempo

1min – Solari recebe de Leo Gil e chuta por baixo. Daniel encaixa.

6min – Falcon, de cabeça, serve Pávez, que tem espaço em frente ao gol vermelho. Sem força, porém, ele manda nos braços de Daniel.

7min – Valeu, Johnny! Da entrada da área, volante arrisca de perna canhota. Goleiro encaixa.

9min – NA TRAAAAAAAAAAAAAVE! Alan Patrick estica jogo para Pedro Henrique, que domina na quina esquerda da grande área, corta para dentro e solta a bomba. Ela passa do goleiro, mas explode no poste chileno.

12min – Lucero recebe de Costa e abre o placar para os donos da casa.

16min – Pela direita da área colorada, Solari finaliza cruzado e rasteiro. A bola passa em frente a Daniel e fica longa para Lucero, saindo pela linha de fundo. Árbitro indicou escanteio.

16min – Amarelo para Gabriel.

17min – Após escanteio cobrado na primeira trave, Lucero fica com a posse na esquerda da pequena área do Inter e tenta de bicicleta. Mandou para fora.

27min – Com dores, Renê deixa o campo. Entra Moisés.

30min – TIIIIIIIIIRA A ZAGA! Alemão ganha da marcação no corpo e deixa para Alan Patrick, que invade a área e arrisca de perna direita. No limite, rival consegue o corte.

33min – Costa, pela esquerda, chega até as cercanias da pequena área colorada e tenta de canhota. Forte, ela sai em tiro de meta.

Leia mais:  Velhos conhecidos do Trio de Ferro se reúnem em prol de causa nobre

41min – MERCAAAAADO! Costa cruza bola muito perigosa da esquerda, e zagueiro colorado aparece no momento decisivo para afastar.

45min – Mais dois. Vamos a 47!

47min – Intervalo em Santiago.


Segundo tempo

0min – Inter volta com Moledo em campo. Heitor deixa o campo.

1min – Pedro Henrique recebe na ponta-esquerda, finta em cima do marcador e cruza bola fechada. Goleiro encaixa.

9min – Solari amplia para os donos da casa.

16min – Fuentes recebe o cartão.

17min – Duas trocas no Inter: David e Mauricio substituem Alan Patrick e Gabriel.

18min – Colo-Colo assusta no contra-ataque. Lançado, Gil chuta com desvio em Mercado, e a bola sai em escanteio.

24min – Lucero impede contra-ataque do Inter. Falta e amarelo apresentados.

28min – Fuentes sai de maca e é substituído por Pizarro.

31min – Estêvão completa as trocas no Clube do Povo. Pedro Henrique deixa o campo.

35min – De voleio, Gil quase marca o terceiro do Cacique.

40min – UHH! De fora da área, Mauricio arrisca de perna canhota. Levou perigo, mas saiu ao lado.

42min – Estêvão desconta para o Inter.

47min – Após longa consulta ao VAR, árbitro anula o gol colorado. Indicou infração na origem da jogada.

47min – Por reclamação, Mauricio leva o amarelo.

48min – Gutiérrez vem a campo no lugar de Solari.

49min – Mais cinco.

54min – Partida encerrada.


Ficha técnica:

Colo-Colo (2): Cortés; Opazo, Falcon, Zaldivia e Suazo; Fuentes (Pizarro), Leonardo Gil e Pavez; Solari (Gutiérrez), Lucero e Costa. Técnico: Gustavo Quinteros.

Internacional (0): Daniel; Heitor (Rodrigo Moledo), Mercado, Vitão e Renê (Moisés); Gabriel (Mauricio), Johnny, Edenilson, Alan Patrick (David) e Pedro Henrique (Estêvão); Alemão. Técnico: Mano Menezes.

Gols: Lucero, aos 12’/1ºT, e Solari, aos 9’/2ºT (C).

Cartões amarelos: Fuentes e Lucero (C). Gabriel e Mauricio (I).

Arbitragem: Patricio Loustau, auxiliado por Ezequiel Brailovsky e Facundo Rodrigues. Quarto árbitro: Fernando Echenique. VAR: German Delfino.

Estádio: Monumental David Arellano-CHI.

fonte: https://internacional.com.br/noticias/cronica-colo-colo-chi-x-internacional-oitavas-de-final-conmebol-sul-americana

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana