conecte-se conosco

Curitiba

Ex-marido é condenado a 28 anos e 7 meses de prisão por morte de Mahara Scremin

Publicado

Bem Paraná

Ênio Ivan Bertoncello foi condenado a 28 anos e 7 meses de prisão pela morte da a ex-mulher, a estudante de direito, Mahara D’ávila Scremin. O julgamento começou na manhã de segunda-feira, 15, em Curitiba, e a sentença foi lida à 1h30 da madrugada desta terça-feira, 16. Ele foi condenador pelos crimes de homicídio qualificado por motivo torpe, meio cruel, dissimulação, feminicídio e fraude processual.

O crime ocorreu em maio de 2017, no bairro Boqueirão, e Ênio confessou que matou a jovem a facadas por ciúmes.

A estudante tinha 23 anos. À época do crime, o ex-marido chegou a colocar nas redes sociais uma mensagem de luto pela morte dela e chegou a ir ao velório como se não tivesse feito nada.

Ênio e Mahara foram casados por três anos e haviam se separado no início de 2017. Ele, porém, não aceitava o fim do relacionamento.

Comentários Facebook
Leia mais:  Com veto a fogos de artifício com barulho, comércio de Curitiba passa por fiscalização

Curitiba

Covid-19: remessa comCovid-19: remessa com 65,5 mil vacinas para crianças chega ao Paraná 65,5 mil vacinas para crianças chega ao Paraná

Publicado

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná) recebeu na madrugada desta terça-feira (18) mais 65.500 vacinas da Pfizer/BioNTech para crianças, de 5 a 11 anos, contra a Covid-19.

Esta é a segunda remessa direcionadA Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná) recebeu na madrugada desta terça-feira (18) mais 65.500 vacinas da Pfizer/BioNTech para crianças, de 5 a 11 anos, contra a Covid-19.

Esta é a segunda remessa direcionada ao público infantil e faz parte do 78º Informe Técnico do governo federal. O documento orienta os municípios a vacinarem seguindo a ordem de prioridades, começando pelas crianças com comorbidades e deficiências permanentes.a ao público infantil e faz parte do 78º Informe Técnico do governo federal. O documento orienta os municípios a vacinarem seguindo a ordem de prioridades, começando pelas crianças com comorbidades e deficiências permanentes.

As vacinas destinadas às crianças chegaram ao Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, às 23h10, e nos próximos dias serão distribuídas para as 22 Regionais de Saúde do Paraná.

Leia mais:  Curitiba vai ganhar um novo Mercado Municipal. Saiba mais sobre essa novidade

“Estamos só no começo ainda na vacinação deste novo público. Receberemos e vamos distribuir muitos lotes como este, para que, desta forma, consigamos atingir as mais de 1 milhão de crianças do Estado. Estou confiante de que, assim como foi com os adolescentes, teremos bastante comparecimento aos postos de vacinação”, disse o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

A imunização das crianças depende de consentimento dos pais ou responsáveis. Caso eles não estejam presentes no momento da vacinação, é necessário entregar uma autorização por escrito.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana