conecte-se conosco

Curitiba

Curitibano terá wi-fi público gratuito em 254 locais

Publicado

O cidadão curitibano poderá contar com wi-fi de acesso público gratuito em 254 locais da cidade que têm grande fluxo de pessoas, como terminais, Ruas da Cidadania, Mercado Municipal, Faróis do Saber e da Inovação, Liceus do Ofício, Centro Histórico, estabelecimentos de saúde e a área de atendimento do Palácio Solar 29 de Março, sede da Prefeitura, no Centro Cívico.

O anúncio foi feito pelo prefeito Rafael Greca ao lado da primeira-dama Margarita Sansone, na tarde desta quinta-feira (7/1), no Salão Brasil, no Palácio 29 de Março, durante a cerimônia de assinatura do protocolo de intenções entre a Prefeitura de Curitiba e o Instituto das Cidades Inteligentes (ICI). A expectativa é que a estrutura esteja concluída em 180 dias.

O Wi-fi Curitiba integra o Vale do Pinhão, movimento de inovação comandado pela Prefeitura em busca de soluções para diversas áreas e vai facilitar o acesso aos serviços públicos já oferecidos pela internet.

“Vamos inaugurar o futuro, assim como fizemos esta semana com a Muralha Digital. Vem aí a inclusão digital para garantirmos facilidade de acesso aos aplicativos da Prefeitura. A cidade há de ser um espaço de oportunidade e igualdade para todos”, comemorou o prefeito ao falar das possibilidades de conectividade para os curitibanos.

“Os cidadãos inteligentes e conectados terão a senha da sua cidadania digital”, disse o prefeito, que espera expandir para mais pontos de acesso futuramente.

Leia mais:  Prefeito de Curitiba, Rafael Greca, assume a presidência da Assomec

O secretário de Administração e de Gestão de Pessoal, Alexandre Jarshel de Oliveira, destacou alguns dos aplicativos já disponíveis e que terão seu acesso facilitado pelo Wi-fi Curitiba. “O curitibano poderá utilizar o Saúde Já, o Curitiba App, 156 Mobile e outras funcionalidades que venham a ser oferecidas ao cidadão e que poderão ser acessadas pela rede de wi-fi público da cidade”, exemplificou. “O objetivo é a inclusão digital, o acesso à internet de qualidade”, completou.

Contrapartida social

A implantação de toda a estrutura será feita pelo Instituto das Cidades Inteligentes (ICI), sem custos para a Prefeitura de Curitiba. Desde 2019, o Instituto tem um contrato de gestão com a Prefeitura.

A implantação do wi-fi público foi o projeto escolhido pela Comissão de Avaliação do Contrato de Gestão, da qual participam diversas secretarias e órgãos municipais. Este comitê elegeu o Wi-fi Curitiba como projeto de responsabilidade social relativo ao contrato.

Para ter acesso ao Wi-fi Curitiba, o cidadão deverá ser autenticado pelo Passaporte Curitiba, que gerencia todas as redes sem fio de internet pública gratuita, de acordo com o marco regulatório da internet. O usuário utilizará o mesmo login e senha onde quer que esteja, sem burocracia. Para se cadastrar, basta acessar o portal (https://passaporte.ici.curitiba.org.br/ )

O presidente em exercício do ICI, Marcelo José de Araújo Prado, declarou que o Wi-fi Curitiba está relacionado ao propósito do ICI, que é melhorar a vida das pessoas. O Instituto das Cidades Inteligentes foi representado ainda pelos diretores Jurídico, Alexandre Scolari, e Técnico, Fernando Matesco.

Leia mais:  Criança de dois anos morre depois de ser atacada por cachorro, em Curitiba

Presenças

Participaram do lançamento do Wi-fi Curitiba o secretário do Governo Municipal e presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano, Luiz Fernando Jamur, a secretária da Comunicação Social, Mônica Santanna, a presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento, Ana Cristina Alessi, o vereador Marcelo Fachinello, e o superintendente de Tecnologia da Informação da Secretaria de Administração e de Gestão de Pessoal, Leandro Vergara.

Também participaram as secretárias da Educação, Maria Sílvia Bacila, os secretários de Segurança Alimentar e Nutricional, Luiz Gusi, do Urbanismo, Julio Mazza de Souza, e o secretário em exercício da Defesa Social e Trânsito e comandante da Guarda Municipal, Carlos Celso dos Santos Junior.

Estavam na cerimônia ainda a presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Ana Cristina de Castro, do Instituto Municipal de Turismo, Tatiana Turra, o presidente da Cohab, José Lupion Neto, do Instituto Municipal de Administração Pública (Imap), Alexandre Matschinske, do Instituto de Previdência dos Servidores de Curitiba (IPMC), Breno Lemos, da CuritibaPrev, da Fundação de Previdência Complementar do Município de Curitiba,  José Luiz Costa Taborda Rauen.

Comentários Facebook

Curitiba

VÍDEO: Ônibus com 37 pessoas perde o freio na serra entre Curitiba e Joinville

Publicado

Um ônibus de viagem que fazia o trajeto Belém (PA) – Florianópolis (SC) perdeu os freios enquanto trafegava na rodovia BR-376 na madrugada da Última quarta-feira, 6. O veículo ocupado por 37 passageiros, sendo oito crianças, atingiu 118 km/h e só parou depois de entrar na área de escape do quilômetro 671,7, em Guaratuba (PR). Ninguém se feriu.

De acordo com a Arteris Litoral Sul, concessionária do trecho, o ônibus entrou 115 metros na área de escape por volta da 1h45. O condutor relatou às equipes que não conseguiu mais utilizar os freios dois quilômetros antes da área e, como ele já conhecia o dispositivo, direcionou o ônibus para entrada.

O motorista e os passageiros foram transportados até um posto de apoio para seguirem viagem com suporte da empresa responsável.

Segundo a concessionária, essa foi a sexta vez que um ônibus usou a área de escape, inaugurada em agosto de 2011. Neste período ela foi utilizada por 257 veículos pesados, ajudando a salvar 376 vidas.

Leia mais:  Garoa em Curitiba nesta quinta-feira. Mas e o calor, quando volta?

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana