conecte-se conosco

Cidades

Criança engasgada é salva por socorrista do Samu de folga, em Campo Mourão

Publicado

O Bemdito

Um bebê de apenas 10 meses ganhou uma nova chance de vida na tarde de quinta-feira (20), após ser socorrido a tempo pelo condutor de ambulância do Samu, Gustavo Alex. O socorrista foi surpreendido por uma mãe desesperada, enquanto fazia compras em um mercado, no conjunto Milton de Paula Walter, em Campo Mourão.

A moradora do bairro percebeu que a criança estava engasgada e, devido ao nervosismo, não conseguia acionar os serviços de emergência. No entanto, ela lembrou que próximo à sua casa, reside o condutor socorrista do Samu, Gustavo.

Imediatamente, ela pegou a criança e saiu à procura do profissional, que foi encontrado no mercado próximo. Surpreendido pela mãe, que a trazia nos braços a criança, Gustavo conta que percebeu que o bebê estava engasgado, devido a cianose que apresentava.

Ele iniciou as manobras de desobstrução de vias aéreas superiores e o alimento foi expelido pela criança, que voltou a sua coloração e chorou, causando grande alívio em todos que estavam no estabelecimento.

Leia mais:  Motorista deve ficar atento a mudanças na Linha Verde

Alex contou a seus amigos e colegas de profissão que nunca tinha passado por uma situação dessas, fora do horário de trabalho, e que apesar da tensa situação procurou se manter calmo para realizar um bom atendimento.

“Senti uma grande alegria e foi um presente de Deus ouvir o choro do bebê e vê-lo respirar normalmente, isso não tem preço”, finalizou Gustavo.

(Informações: Tá Sabendo)

Comentários Facebook

Cidades

Prefeito evangélico é alvo de macumba em Mato Grosso

Publicado

O prefeito Jeferson Ferreira Gomes (DEM), de Comodoro, extremo oeste de MT, que é evangélico, foi surpreendido por um “despacho espiritural” no cemitério da cidade. A informação é do site Olhar Direto.

Segundo a publicação, o despacho foi descoberto na primeira quinzena neste mês.

No local havia um papel com nome do prefeito em cruz, garrafa de cachaça e um sapo morto. Tudo junto e misturado. O “trabalho” foi descoberto por uma moradora que visitava o túmulo de parente.

O despacho estava na porta, com terra de cemitério sobre o nome.

Não se sabe por quais motivos, alguém deseja a morte do prefeito, que não comentou o assunto.

Mistério!

Comentários Facebook
Leia mais:  Amigos dormem em trilho e acabam atropelados por locomotiva em Mafra
Continue lendo

Mais Lidas da Semana