conecte-se conosco

Esportes

Coritiba melhora consideravelmente a média de público no Couto

Publicado

Tribuna Paraná Por Juliana Fontes

O Coritiba pode até não estar no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro como previa, mas se tem uma conquista extra-campo que o torcedor deve se orgulhar é o excelente público presente em todos os jogos do time no Couto Pereira. A média de espectadores no estádio, considerando os quatro jogos na competição, é de 34.361 pessoas, uma ótima quantia para os padrões não só da Segundona, mas também do futebol brasileiro.

As ações de marketing impulsionaram a presença dos torcedores no Alto da Glória. Na primeira partida na competição, diante da Ponte Preta, com portões abertos e sem a cobrança de ingresso, para uma justa homenagem ao ídolo Dirceu Krüger, que havia falecido dias antes, o torcedor já havia lotado o estádio. Nos demais confrontos, um ‘pacotão’ de ingressos para três jogos (Londrina, Cuiabá e Paraná Clube) no valor de R$ 15. Sabendo da importância de sua presença para apoiar o time nesse imenso desafio que está sendo tentar sair da Série B, o torcedor ‘abraçou’ a causa e compareceu.

Leia mais:  Tricolor avança nos preparativos para o Majestoso

A partida que trouxe mais público ao Couto neste ano foi contra o Cuiabá, com 37.220 pessoas nas arquibancadas. Para se ter uma ideia do quanto essa quantia é expressiva, no ano passado, o melhor público registrado pelo Coxa na segunda divisão foi no empate sem gols diante da Ponte Preta, com 9.223 presentes. Em 2018, a maior presença no Alto da Glória foi de 13.184 torcedores, no primeiro clássico Atletiba do ano e que foi vencido pelo Athletico por 1×0.

Porém, em 2019, em se tratando de Série B, a realidade nas arquibancadas é outra e chama a atenção. O Alviverde tem a marca dos quatro maiores públicos registrados no torneio, tendo o quinto na lista menos que o dobro da quarta posição – Sport 3×1 Vitória, com 14.018 pagantes -.

Esses resultados são relevantes para o futebol do Estado como um todo. Pela primeira vez na história um clube de futebol do Paraná consegue levar mais de 30 mil pessoas ao estádio em quatro jogos seguidos. Antes disso, as arquibancadas cheias tinham sido vistas em uma sequência de três partidas do Coritiba, pelo Campeonato Paranaense de 1978, no Brasileirão de 1980 e na Segundona de 2007.

Leia mais:  São Paulo empata com o Everton pela CONMEBOL Sul-Americana

Em se tratando da média de público do futebol brasileiro em2019, em todas as competições, somente Flamengo (45.327) e Corinthians (33.382) passam da marca de mais de 30 mil pessoas por jogo, o que demonstra a importância dos números do Coritiba. Porém, neste ranking geral, o Alviverde cai de posição já que entra na conta o Campeonato Paranaense e, por isso, o número final fica de 14.440 pessoas por jogo. Ainda assim, em 13º, o Coxa fica na frente dos rivais, com o Athletico em 15º (13.985) mesmo com jogos pela Copa Libertadores e Recopa Sul-Americana, e Paraná Clube em 38º (3.258).

Comentários Facebook

Esportes

Corinthians empata em 1 a 1 contra o São Paulo na Neo Química Arena

Publicado

O Corinthians entrou em campo neste último domingo (22), na Neo Química Arena para encarar o clássico Majestoso contra o São Paulo. Com um segundo tempo pressionando o adversário, o Timão ficou no empate em 1 a 1, com gol de Adson. Com o resultado, o Time do Povo continua na liderança da Série A do Campeonato Brasileiro, com 14 pontos somados.

O próximo jogo do Timão será na próxima quinta-feira (26), na Neo Química Arena, contra o Always Ready-BOL, às 21h, pela última rodada da fase de grupos da CONMEBOL Libertadores.

Escalação

O técnico Vítor Pereira escalou a seguinte equipe: Cássio; João Victor, Gil, Raul Gustavo e Fábio Santos; Gustavo Mantuan, Du Queiroz, Maycon e Renato Augusto; Willian e Jô. Entraram no decorrer da partida: Adson, Lucas Piton, Júnior Moraes, Giuliano e Matheus Donelli. E ainda ficaram à disposição no banco de reservas: Robson, Róger Guedes, Gustavo Silva, Rafael Ramos, Cantillo, Bruno Melo e Roni.

Primeiro Tempo

Logo no segundo minuto de jogo, na primeira chegada do Timão no jogo, a bola sobrou para Gustavo Mantuan, que chutou cruzado, por cima do gol. O lance inflamou a torcida, pois a jogada foi muito bem trabalhada por todo o time. Aos seis minutos, Jô foi derrubado na entrada da área, falta perigosa para o Alvinegro cobrar. Na cobrança feita por Willian, o goleiro do adversário fez uma boa defesa, mandando a bola para escanteio.

Leia mais:  São Paulo empata com o Everton pela CONMEBOL Sul-Americana

Aos 18 minutos, a equipe do São Paulo chegou com perigo, em um chute cruzado pela direita, Cássio fez uma excelente defesa, jogando a bola para escanteio.

No minuto 22 da primeira etapa, Renato Augusto recebeu a bola na entrada da área e chutou, porém o arremate saiu fraco e o goleiro do adversário fez a defesa. Aos 26 minutos, Cássio novamente salvou o Corinthians, após a cabeçada do adversário.

Gol anulado do Timão. Aos 35 minutos, Jô fez o gol de cabeça, porém, no início da jogada, Renato Augusto estava impedido e o gol foi anulado pelo VAR.

O árbitro deu quatro minutos de acréscimo. Aos 45 minutos, Du Queiroz fez falta no adversário e tomou cartão amarelo. Após isso, uma confusão generalizada aconteceu e a partida ficou interrompida por alguns minutos. João Victor também recebeu amarelo na confusão, junto com o zagueiro adversário. Aos 50 minutos, gol do São Paulo, a bola sobrou na área e o atacante adversário abriu o placar, 1 a 0.

Aos 53 minutos, Cássio fez duas defesas em sequência, salvando o Timão. Após essa jogada, o árbitro finalizou o primeiro tempo.

Segundo Tempo

Antes do início da segunda etapa, o técnico Vítor Pereira fez a primeira alteração do jogo: saiu Gil e entrou Adson.

Aos três minutos, Maycon faz a jogada dentro da pequena área e tenta achar Jô, mas a bola foi afastada para escanteio.

Aos 16 minutos de jogo, o São Paulo fez outro gol, porém o árbitro assinalou impedimento e anulou corretamente, segue, 1 a 0. Aos 18 minutos, Jô finaliza para o gol, a bola desviou e foi para escanteio. Bom momento do Timão no jogo. Um minuto depois, Mantuan chuta na lateral, a bola desvia e quase engana o goleiro adversário, escanteio.

Leia mais:  Dragão vence o Defensa y Justicia na Argentina

No minuto 29 da etapa final, o Corinthians mexe em dose tripla. Saíram Willian, Fábio Santos e Maycon e entraram Lucas Piton, Júnior Moraes e Giuliano.

Gol do Corinthians!!! Aos 34 minutos, Lucas Piton cruza para área e Adson cabeceia para o gol, 1 a 1.

Pressão do Corinthians, aos 40 minutos, Renato Augusto, de fora da área, arrisca a bola vai por cima do gol. O árbitro deu seis minutos de acréscimo.

Aos 48 minutos, Cássio salvou mais uma vez o Timão, uma excelente defesa, pós-cabeçada do adversário. Após a defesa, Cássio machucou o ombro e foi substituído por Matheus Donelli. O árbitro deu mais três minutos.

Fim de jogo na Neo Química Arena, Corinthians 1 x 1 São Paulo.

Próximo Jogo

O próximo jogo do Timão ocorre na próxima quinta-feira (26), às 21h (horário de Brasília), na última rodada da fase de grupos da CONMEBOL Libertadores. O Corinthians encara a equipe boliviana do Always Ready, na Neo Química Arena.

Tags: Futebol, Neo Quimica Arena, Notícias

Categoria(s): FutebolNeo Quimica Arena

fonte: https://www.corinthians.com.br/noticias/corinthians-empata-em-1-a-1-contra-o-sao-paulo-na-neo-quimica-arena-e-mantem-a-lideranca-da-serie-a-do-campeonato-brasileiro

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana