conecte-se conosco

Geral

13 Curiosidades sobre o Vietnã que só quem morou lá pode dizer

Publicado

O Vietnã é um país incrível, repleto de excentricidades, e um destino turístico inesquecível. Algumas características do país podem estranhar os turistas, mas todos os lugares têm algo que podemos não gostar, e as coisas agradáveis acabam superando as desagradáveis.

Que tal visitar o Vietnã nas próximas férias? Snezhana é uma russa que viveu 6 anos no país. Ela compartilhou algumas de suas experiências com o site Bright Side e que são bem interessantes para os turistas que pretendem visitar o país asiático.

1 – Conhecendo pessoas

Quando você conhece algumas pessoas do Vietnã, você pode ter a impressão de estar escutando o mesmo sobrenome várias vezes. A questão é que cerca de 40% da população do Vietnã tem o sobrenome Nguyen (Nguyễn) e 11%, o sobrenome Trần.

2 – Limpeza

A higiene não é um ponto muito forte nas ruas do Vietnã. Ao chegar no país, prepare-se para ver muito lixo embaixo das mesas de barracas locais. Recentemente, foram instaladas latas de lixo para tentar acabar com esse problema, mas não adiantou muito. Além disso, é grande o número de homens que urinam em locais públicos.

3 – Pele

Assim como em muitos países asiáticos, as mulheres vietnamitas consideram a pele branca muito bonita, e acabam se escondendo do sol como podem. Mesmo que esteja calor, elas usam roupas longas, luvas e máscaras. Essas máscaras também ajudam  a proteger as pessoas da poeira ao dirigir motocicletas ou bicicletas.

Leia mais:  Contas da prefeitura de Curitiba na gestão Richa são aprovadas 11 anos depois

4 – Espaço pessoal

Esqueça a sua privacidade quando estiver no Vietnã. Em prédios de apartamentos, é normal que as portas das residências fiquem abertas. E, se deixar a sua fechada, um vizinho pode ficar preocupado e vir te perguntar se tudo está bem. As casas não costumam ter cortinas, e numa conversa, a pessoa com quem você está falando fica bem próxima a você, como se quisesse contar um segredo. Além disso, as filas não são tão respeitadas no país.

5 – Perguntas indesejáveis

É comum, em uma conversa, perguntarem a sua idade ou o seu salário. Os vietnamitas acreditam sinceramente que esses assuntos podem animar a conversa e mostrar interesse das pessoas.

6 – Sempre diga “sim”

Os vietnamitas não gostam de responder “não” às pessoas. E se o seu pedido não estiver claro para um local, ele concordará e continuará repetindo “sim” como resposta. Nessas situações, é importante. prestar muita atenção na reação da pessoa. Normalmente, um sorriso estranho indica que as coisas não estão muito claras.

7 – Tempo

A pontualidade não é o forte dos vietnamitas. Se um deles combinou algo contigo “em 5 minutos” ou “amanhã”, é provável que o compromisso seja adiado indefinidamente.

Leia mais:  Braga Netto anuncia que haverá transição na intervenção no Rio

8 – Dinheiro

Em 2003, as cédulas de polímero sintético substituíram as cédulas de algodão. As cédulas de polímero sintético não estragam quando são molhadas.

9 – Esportes

Os vietnamitas adoram esportes. Os mais populares por lá são o futebol e o voleibol. O voleibol local também é chamado pepak takraw, que é semelhante ao voleibol clássico com apenas uma exceção – ele é jogado com as pernas.

10 – Unhas

Se um homem tem unhas compridas, isso significa que ele pode se dar ao luxo de não trabalhar no campo ou em outro emprego mal remunerado. Muitos homens no Vietnã usam esse método simples para demonstrar seu status social. As tarefas domésticas geralmente ficam a cargo da esposa.

 

Fonte: Tudo Interessante

 

Comentários Facebook

Geral

Eleições 2022: Ratinho Junior anuncia primeiras mudanças no secretariado

Publicado

Arquivo/Rodrigo Félix Leal/AEn

O governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), anunciou nesta quarta-feira (12) as primeiras mudanças no secretariado de olho nas Eleições de 2022. As trocas serão efetivadas na próxima segunda-feira (17).

O atual secretário-chefe da Casa Civil, Guto Silva (PSD), deixará o cargo para retomar o mandato como deputado estadual. Ele deve se lançar candidato à reeleição, ou concorrer à Câmara dos Deputados ou Senado Federal.

O posto dele será ocupado pelo atual secretário João Carlos Ortega, que chefiava a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas. A pasta agora será conduzida pelo ex-prefeito de Pato Branco Augustinho Zucchi (Podemos).

Outra mudança é na Chefia de Gabinete, que passará a ser conduzida pelo ex-presidente da AMP (Associação dos Municípios do Paraná) Darlan Scalco (PSDB). O atual chefe, Daniel Villas Bôas, assume a Superintendência de Relações Institucionais.

Sem mencionar as Eleições 2022, o governador Ratinho Junior afirmou que o objetivo das mudanças é reforçar o atendimento aos municípios e fortalecer o diálogo com o terceiro setor, o empresariado e com os outros órgãos.

Leia mais:  Braga Netto anuncia que haverá transição na intervenção no Rio

“Tenho plena confiança em cada pessoa que assume esses cargos. Fizeram excelentes trabalhos em seus postos anteriores”, disse ele, por meio da Agência Estadual de Notícias.

Outras mudanças são esperadas nas próximas semanas. O prazo limite para que os futuros candidatos às Eleições 2022 se afastem de cargos públicos é dia 1º de abril, seis meses antes do pleito.

Na lista de futuros candidatos estão os também secretários estaduais Ney Leprevost (Justiça e Família), Sandro Alex (Infraestrutura e Logística) e Beto Preto (Saúde).

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana