conecte-se conosco

Esportes

Paraná trouxe apenas reforços que devem ser reservas, mas dá opções a Matheus Costa

Publicado

Tribuna Paraná

Contando os dias para voltar a campo depois do recesso para a disputa da Copa América, o Paraná Clube não apresentou muitas novidades durante a intertemporada. O time paranista contratou apenas o lateral-direito Léo Príncipe e o atacante Caio Monteiro. Nenhum deles deverá iniciar como titular o duelo deste sábado, diante do Bragantino, às 19h, na Vila Capanema, mas os dois têm potencial para, na sequência da disputa da Série B, ocuparem uma posição na equipe.

Antes mesmo da parada, há pouco menos de um mês, o técnico Matheus Costa reforçou a necessidade de contratar reforços para o setor ofensivo. No entanto, o Tricolor vive uma realidade financeira difícil e que não é novidade para ninguém. Assim, apenas quem se enquadrou na realidade do clube foi contratado.

O primeiro deles foi Caio Monteiro, que chegou a ser uma das grandes promessas das categorias de base do Vasco, mas não conseguiu emplacar no time profissional do clube carioca. Assim, chega com pouca rodagem e sem ter feito uma partida sequer na temporada. Mesmo assim, Matheus Costa confia que ele tem capacidade para ajudar muito o time na sequência da segunda divisão.

Leia mais:  Hulk comemora virada e exalta espírito de luta do time

“O Caio Monteiro é um jogador que a gente até tinha comentado. São situações que o Paraná poderia trazer o atleta de acordo com a realidade financeira. O Caio está dentro desse perfil e acredito que possa agregar muito. Tem o histórico muito bom na base, com situações de convocação. Vejo um bom potencia, tem múltiplas funções. Atua tanto pela beirada, quanto por dentro. Pode jogar de 9 ou de 10. Tem mais de uma característica”, afirmou o treinador.

Com a suspensão do atacante Jenison, o Paraná deve ter poucas mudanças no setor ofensivo. Além dos meias Matheus Anjos e João Pedro, o time deve contar também com os atacantes Bruno Rodrigues e Ramon. Foi dessa forma que o Tricolor iniciou o jogo-treino contra o Cerro Porteño, semana passada, na Vila Capanema. Assim, a tendência é Caio Monteiro ficar no banco.

A outra contratação neste período foi o lateral-direito Léo Príncipe. Emprestado pelo Corinthians, mas com uma passagem apagada pelo Guarani neste ano, o jogador chega ao Tricolor para disputar posição com os laterais Éder Sciola e Sueliton. No entanto, o atleta ainda não deverá ser titular diante do Bragantino e ficará como opção no banco de reservas.

Leia mais:  Grêmio e Santos empatam pela sexta rodada

A lateral-direita, inclusive, não era uma posição carente e pedida por Matheus Costa. Na semana passada, ainda antes da confirmação da contratação de Léo Príncipe, o treinador não quis comentar sobre a possível chegada do reforço. No entanto, ao que tudo indica, foi mais uma boa oportunidade de mercado que a diretoria aproveitou para reforçar o elenco para a sequência desgastante de jogos que terá pela frente a partir deste sábado.

Comentários Facebook

Esportes

Abel comanda primeiro treino do Palmeiras em Montevidéu

Publicado


Felipe Melo treinou durante com o grupo (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

O Palmeiras treinou na tarde desta quinta-feira (25), no estádio Gran Parque Central, em Montevidéu (URU), na preparação à final da CONMEBOL Libertadores 2021 contra o Flamengo, neste sábado (27), às 17h, no Estádio Centenário. Sob forte chuva, foi o primeiro trabalho do Verdão em solo uruguaio desde o desembarque no país na noite desta quarta-feira (24).

Após uma atividade de vídeo no hotel e trabalhos de ativação física na academia, os jogadores foram ao campo do Nacional-URU para um treino tático de cerca de 1h de duração comandado pelo técnico Abel Ferreira e sua comissão técnica. Divididos em dois times, os jogadores ensaiaram o posicionamento, movimentações e jogadas, entre outros aspectos.

Assim como no treino de quarta (24), o meio-campista Felipe Melo treinou durante todo o tempo com o grupo. Ao final, o elenco praticou bolas paradas e cobranças de pênaltis e faltas.

Esta é a sexta final de Libertadores na história do Palmeiras. Primeiro clube brasileiro a chegar à decisão do torneio (em 1961, contra o Peñarol-URU, com o jogo de ida em Montevidéu), o Verdão é o que mais vezes alcançou a fase decisiva da competição, ao lado do São Paulo – foi campeão em 1999 e 2020 e vice-campeão em 1961, 1968 e 2000.

  Abel Ferreira comanda treinos visando confronto contra o Ceará

Leia mais:  Hulk comemora virada e exalta espírito de luta do time

O Maior Campeão do Brasil é ainda o clube brasileiro com mais participações de Libertadores (21, ao lado de São Paulo e Grêmio), mais jogos (209), mais vitórias (116), mais vitórias como visitante (44), mais gols (390), mais gols como mandante (233) e mais gols como visitante (156 tentos).

Os jogadores Wesley e Gustavo Gómez (à direita) durante treinamento no Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)
fonte: https://www.palmeiras.com.br/pt-br/noticias/abel-comanda-atividade-tatica-no-primeiro-treino-do-palmeiras-em-montevideu/

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana