conecte-se conosco

Curitiba

Cemitério de bikes: centenas de bicicletas empilhadas incomodam vizinhos em Curitiba

Publicado

Um ‘cemitério’ de bicicletas toma conta de um terreno no bairro Rebouças e desperta a curiosidade de quem passa pela Avenida Marechal Floriano Peixoto, no trecho entre as ruas Almirante Gonçalves e Brasílio Itiberê. Ali funciona um depósito a céu aberto com uma enorme quantidade de bicicletas da Yellow Bike, aplicativo de aluguel que opera há um ano na capital paranaense.

Em parte do espaço, as bicicletas estão empilhadas umas em cima das outras, divididas por tábuas de compensado. Todas as bikes foram recolhidas das ruas pela empresa para manutenção. Além dos consertos corriqueiros, o vandalismo contra as bikes também é motivo para o estacionamento forçado.

O local é alugado e administrado pela empresa. Além de curiosidade pela cena de centenas de bicicletas empilhadas, o espaço também gera revolta na vizinhança. Os motivos são barulho, poluição visual e falta de limpeza, que já foram alvo de reclamação em órgãos públicos. O incômodo, segundo os moradores, começou há seis meses.

bancária aposentada Rosaly Paganelli Grumiche, 64 anos, é moradora de um dos prédios vizinhos ao terreno. Ela diz que nos seis meses em que as bicicletas estão no espaço, os moradores reclamam da falta de limpeza e do barulho de buzina à noite, quando os funcionários da Yellow vão ao local para deixar as bikes.

Comentários Facebook
Leia mais:  TRE determina quebra de dados cadastrais de número associado a Marrafon

Curitiba

VÍDEO: Ônibus com 37 pessoas perde o freio na serra entre Curitiba e Joinville

Publicado

Um ônibus de viagem que fazia o trajeto Belém (PA) – Florianópolis (SC) perdeu os freios enquanto trafegava na rodovia BR-376 na madrugada da Última quarta-feira, 6. O veículo ocupado por 37 passageiros, sendo oito crianças, atingiu 118 km/h e só parou depois de entrar na área de escape do quilômetro 671,7, em Guaratuba (PR). Ninguém se feriu.

De acordo com a Arteris Litoral Sul, concessionária do trecho, o ônibus entrou 115 metros na área de escape por volta da 1h45. O condutor relatou às equipes que não conseguiu mais utilizar os freios dois quilômetros antes da área e, como ele já conhecia o dispositivo, direcionou o ônibus para entrada.

O motorista e os passageiros foram transportados até um posto de apoio para seguirem viagem com suporte da empresa responsável.

Segundo a concessionária, essa foi a sexta vez que um ônibus usou a área de escape, inaugurada em agosto de 2011. Neste período ela foi utilizada por 257 veículos pesados, ajudando a salvar 376 vidas.

Leia mais:  EstaR de Curitiba tem mudanças importantes a partir desta segunda-feira

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana