conecte-se conosco

Paraná

Polícia Rodoviária Federal apreende 14,9 toneladas de drogas no Paraná no primeiro semestre de 2019

Publicado

Redação Bem Paraná com assessoria PRF-PR

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 14,9 toneladas de drogas no Paraná durante o primeiro semestre deste ano. Também foram apreendidas 11,8 milhões de carteiras de cigarro, 116 armas de fogo e 12,7 mil munições. O balanço foi divulgado pela PRF na manhã de hoje (2).

Do total de drogas apreendidas, 13,7 toneladas são de maconha; 906 quilos de cocaína; e 308 quilos, de crack. No mesmo período de 2018, a PRF havia registrado 23,3 toneladas de maconha; 3.024 quilos de cocaína; e 294 quilos de crack apreendidos.

O total de 11,8 milhões de carteiras de cigarro contrabandeadas do Paraguai representa um aumento de 42,2% em relação às 8,3 milhões de carteiras recolhidas no primeiro semestre do ano passado.

As apreensões de armas cresceram 38,1%, passando de 84 para 116 unidades. E as de munições saltaram de 9 mil para 12,7 mil, uma alta de 40,7%.

Entre os meses de janeiro e junho deste ano, as equipes da PRF apreenderam ainda 56 mil unidades de medicamentos irregulares. No total, 153 pessoas foram presas por tráfico de drogas e outras 133, por contrabando ou descaminho.

Leia mais:  Pai com doença degenerativa leva filha ao altar em poltrona adaptada: 'Ele não fala, não anda, mas sente muito'

Ao longo de todo o ano passado, a Polícia Rodoviária Federal apreendeu 51 toneladas de drogas, 18,4 milhões de carteiras de cigarro, 142 armas de fogo e 20,7 mil munições no Paraná.

Principais apreensões

A maior apreensão de maconha realizada este ano pela PRF em território paranaense ocorreu em Alto Paraíso (PR), no último dia 13. Uma mulher abordada na BR-487 dirigia um ônibus carregado com 1.841 quilos da droga, em compartimentos ocultos.

No final da tarde de ontem (30), a PRF registrou a maior apreensão de cocaína. Policiais rodoviários federais encontraram 532,1 quilos do entorpecente em um caminhão, escondidos sob o assoalho. O veículos foi abordado em Paranaguá (PR).

A mais expressiva apreensão de armas ocorreu em Santa Terezinha de Itaipu (PR), no dia 21 de fevereiro, quando 34 pistolas foram descobertas em um fundo falso de uma caminhonete. A maior quantidade de munições foi apreendida eu Ubiratã, no dia 31 de maio: 5.701 projéteis, a maioria deles para fuzil.

Leia mais:  Policiais civis e militares entregarão 300 viaturas sem manutenção ao governador

Apreensões nas rodovias federais do Paraná:

1º semestre de 2019:
– 13,7 toneladas de maconha;
– 906,6 quilos de cocaína;
– 308,3 quilos de crack;
– Total de drogas: 14,9 toneladas;
– 11,8 milhões de carteiras de cigarro;
– 116 armas de fogo;
– 12.679 munições;
– 56.462 unidades de medicamentos;
– 153 pessoas presas por tráfico de drogas;
– 133 pessoas presas por contrabando ou descaminho;
– 296 veículos recuperados.

1º semestre de 2018:
– 23,3 toneladas de maconha;
– 3.024 quilos de cocaína;
– 294,5 quilos de crack;
– Total de drogas: 26,6 toneladas;
– 8,3 milhões de carteiras de cigarro;
– 84 armas;
– 9.012 munições;
– 39.921 unidades de medicamentos;
– 146 pessoas presas por tráfico de drogas;
– 138 pessoas presas por contrabando ou descaminho;
– 331 veículos recuperados.

Fonte: PRF

Comentários Facebook

Paraná

Paraná se aproxima dos 470 mil casos de Covid-19 e mortes já são 8.676

Publicado

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste domingo (10) 1.625 casos confirmados e 7 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 469.538 casos confirmados e 8.676 mortos em decorrência da doença.

Os casos deste informe referem-se à pacientes que estiveram ou estão com a doença entre 24 de outubro de 2020 e 8 de janeiro de 2021. Os casos por data de confirmação do diagnóstico, ou encerramento (fechamento) do caso no sistema estão distribuídos nos meses: janeiro de 2021 são 1.541, os demais de 2020 nos meses de outubro 1, novembro 24 e dezembro 59. O detalhamento completo está no arquivo csv.

INTERNADOS – 1.350 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados. São 1.075 pacientes em leitos SUS (585 em UTI e 490 em leitos clínicos/enfermaria) e 275 em leitos da rede particular (140 em UTI e 135 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 1.251 pacientes internados, 458 em leitos UTI e 793 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.

Leia mais:  Pai com doença degenerativa leva filha ao altar em poltrona adaptada: 'Ele não fala, não anda, mas sente muito'

ÓBITOS – A secretaria estadual informa a morte de mais 7 pacientes. São 4 mulheres e 3 homens, com idades que variam de 40 a 90 anos. Os óbitos ocorreram nos dias 8 e 9 de janeiro.

Os pacientes que foram a óbito residiam em: Ponta Grossa (3), Arapongas (2). A Sesa registra ainda a morte de uma pessoa que morava em cada um dos seguintes municípios: Ampére e Santa Mariana.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registra 3.741 casos de residentes de fora, 73 pessoas foram a óbito.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana