conecte-se conosco

Esportes

Coritiba faz gol de pênalti no finzinho e vence o Guarani em Campinas

Publicado

Bem Paraná

O Coritiba teve gol anulado. Reclamou de pênalti não marcado. Mas conseguiu derrotar o Guarani por 1 a 0, graças a um pênalti marcado no finzinho do jogo e convertido pelo goleiro Wilson. O jogo, nesta terça-feira (11) à noite, foi disputado no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, e era válido pela 8ª rodada da Série B.

O resultado interrompe a regressão do Coritiba na Série B. Nos sete jogos anteriores, o time derrotou a Ponte Preta (2 a 0) na estreia, mas depois só venceu uma vez (2 a 1 sobre o Cuiabá). Nas duas últimas rodadas, o Coxa penou para empatar com o América-MG, que estava na zona de rebaixamento, e perdeu em casa para o Paraná Clube, de virada (3 a 2).

O Coritiba havia iniciado a 8ª rodada em 13º lugar, com 9 pontos. O Guarani, por sua vez, estava na zona de rebaixamento, em 19º lugar, com apenas 5 pontos. Coma vitória, o time coxa-branca foi a 12 pontos e avançou para a 9ª posição. A ideia era terminar a 8ª rodada pelo menos na zona de classificação para a Série A.

TABELA

O Coritiba volta a campo apenas em julho. Isso porque a Série B será paralisada, para a disputa da Copa América, que será no Brasil. A 9ª rodada da série B prevê que o Coritiba enfrente o Criciúma, em Santa Catarina. A data inicialmente seria 13 de julho, um sábado, mas ainda pode ser alterada para sexta-feira (12 de julho), por exemplo.

POLÊMICA

Aos 23 minutos, o Coritiba chegou a marcar um gol, que foi motivo de controvérsia. Quando o Guarani estava com a bola, o árbitro Leo Simão Holanda parou o jogo para atendimento ao goleiro coxa-branca Wilson, que estava caído. Ao reiniciar o jogo, ele deu bola ao chão. O lateral Sávio chutou para a frente. A zaga do Guarani ficou parada e Rodrigão aproveitou: arrancou e tocou na saída do goleiro. Pela nova regra, o árbitro deveria ter dado a bola ao Guarani, mas isso não ocorreu – se houvesse VAR, o gol teria sido anulado. Depois de sete minutos de reclamações, o árbitro voltou atrás e invalidou o gol. “Ele (árbitro) pediu para eu devolver, eu devolvi. O erro foi do árbitro. Aí, o que aconteceu depois (o gol e a anulação) é com ele”, disse o lateral Sávio.

ARTILHARIA

O atacante Rodrigão é o artilheiro do Coritiba na Série B, com 7 gols em 8 jogos. Mas não cobrou o pênalti nesta terça – ele já havia errado dois na competição, diante de Londrina e CRB. O time coxa-branca marcou ao todo nove gols; além dos sete de Rodrigão, os outros foram de Juan Alano e de Wilson.

Leia mais:  Corinthians enfrentará Portuguesa-RJ na 3ª fase da Copa do Brasil 2022

ESCALAÇÃO

O Coritiba tinha seis desfalques. Um deles era o volante João Vitor, suspenso. Outros cinco estavam lesionados: os laterais Diogo Mateus e Patrick Brey, o zagueiro Romércio, o meia Giovanni e o ponta Rafinha. Além disso, o zagueiro Alan Costa ficou de fora por decisão do técnico Umberto Louzer, bem como o ponta Welinton Júnior. Após terem atuado no último sábado, os dois nem viajaram a Campinas. Sem esses jogadores, o treinador armou o time num 4-2-3-1. “A gente espera a mesma organização. Não vejo como desfalque, vejo como oportunidade”, disse Louzer.

PRIMEIRO TEMPO

O Coritiba tentou impor o jogo – chegou a somar 57% de posse de bola na etapa –, mas apresentava dificuldades nos passes perto da área. Não conseguiu concatenar nenhuma boa jogada. E não finalizou nenhuma vez na direção certa. A exceção foi o gol de Rodrigão, que acabou anulado. Para piorar, depois desse lance, só deu Guarani graças principalmente a lances do veterano Eder Luis. O goleiro Wilson teve que fazer três defesas – uma delas, salvadora, cara a cara com Davó – e Sabino salvou um gol em cima da risca.

SEGUNDO TEMPO

Na etapa final, o Coritiba perdeu o meia-atacante Lucas Tocantins, machucado, aos 5 minutos. Nathan entrou em seu lugar. Aos 10, o atacante Rodrigão reclamou de um pênalti em que Brunno Lima tocou a bola com a mão, dentro da área, mas o árbitro deixou passar. Apesar do esforço, o time paranaense não criava chances significativas. Aos 28 minutos, o técnico Umberto Louzer trocou o volante Vitor Carvalho pelo meia Thiago Lopes. O time ficou no 4-1-4-1. Aos 34, Juan Alano deu lugar a Igor Paixão. Aos 44, Nathan sofreu pênalti. Wilson cobrou e selou a vitória do Coritiba.

ESTATÍSTICAS

Ao fim da partida, o Coritiba somou 7 finalizações (2 certas), 51% de posse de bola, 82% de acerto nos passes e 7 escanteios. O Guarani obteve 16 finalizações (5 certas), 49% de posse de bola, 82% de acerto nos passes e 2 escanteios. Os números são do site Sofascore.

 

GUARANI 0 x 1 CORITIBA
Guarani: Giovanni; Lenon, Ferreira, Brunno Lima e Armero; Deivid (Arthur Resende); Mateusinho, Ricardinho, Igor Henrique (Diego Cardoso) e Éder Luis (Felipe Amorim); Davó. Técnico: Vinícius Eutrópio
Coritiba: Wilson; Sávio, Walisson Maia, Sabino e Fabiano; Vitor Carvalho (Thiago Lopes) e Matheus Sales; Juan Alano (Igor Paixão), Luiz Henrique e Lucas Tocantins (Nathan); Rodrigão. Técnico: Umberto Louzer
Gol: Wilson (46-2º)
Cartões amarelos: Walisson Maia, Ricardinho, Vitor Carvalho, Fabiano, Rodrigão, Brunno Lima, Ferreira
Árbitro: Leo Simão Holanda (CE)
Público: 2.089 (pagante)
Renda: R$ 26.107,00.
Local: Estádio Brinco de Ouro, em Campinas, terça-feira

 

LANCES DO JOGO

Leia mais:  Zagueiro Pablo é o terceiro reforço do Mengão para a temporada 2022

PRIMEIRO TEMPO

11 – Lenon dribla um marcador e chuta da risca da área. Wilson pega

14 – Sabino arrisca de longe. A bola resvala na defesa e sai em escanteio. Após a cobrança, Luiz Henrique cruza e Walisson Maia cabeceia para fora

20 – Sávio finaliza de fora da área e manda por cima do gol

21 – Mateusinho cobra falta para a área. Davó escora. Wilson sai e perde a dividida contra Brunno Lima, que toca a gol. Sabino salva em cima da risca

23 – Após parar o jogo para atendimento ao goleiro Wilson, o árbitro dá bola ao chão. Sávio dá um chutão para o Coritiba. Rodrigão recebe, entra na área e toca na saída do goleiro, marcando o gol. Depois de sete minutos de reclamações, o árbitro anulou o gol

31 – Mateusinho cobra falta e manda por cima do travessão

38 – Após jogada de Eder Luis, Davó fica com a bola e manda longe do gol

43 – Eder Luiz cobra escanteio. Brunno Lima cabeceia com perigo, mas por cima do gol

46 – Eder Luiz toca para Armero, que chuta cruzado. Wilson dá rebote e Davó finaliza na rede do lado de fora

49 – Eder Luiz dribla dois coxas-brancas e bate de fora da área. A bola sai à direita do gol

50 – Ricardinho, no meio-de-campo, faz um passe genial e deixa Davó na cara do gol. Ele toca no canto esquerdo e Wilson faz grande defesa

51 – Eder Luiz cruza e Mateusinho cabeceia para fora

SEGUNDO TEMPO

6 – Juan Alano cobra falta para a área. A zaga afasta. Juan Alano emenda para o gol. O goleiro pega

7 – Mateusinho arrisca de longe e manda por cima do gol

10 – Fabiano cruza para a área. Rodrigão cabeceia. A bola bate na mão de Brunno Lima, que estava erguida. O árbitro manda seguir

19 – Armero cruza. Lenon finaliza de primeira, com estilo, mas por cima do gol

21 – Ricardinho arrisca de longe e manda por cima do gol

33 – Arthur Resende cruza. GFelipoe Amorim cabeceia com perigo, mas para fora

40 – Após jogada de Rodrigão, Igor Paixão chuta cruzado. Giovanni defende

42 – Mateusinho domina fora da área e chuta forte. Wilson pega

44 – Fabiano lança. Brunno Lima derruba Nathan na área. O árbitro marca pênalti

46 – Gol do Coritiba. Wilson bate o pênalti no canto esquerdo do goleiro

Comentários Facebook

Esportes

Direto de Porto Alegre: elenco treina antes de embarque à Argentina

Publicado

Na manhã deste domingo (15), no Estádio da PUCRS, em Porto Alegre-RS, o Corinthians iniciou a preparação para mais uma partida decisiva válida pela CONMEBOL LIBERTADORES. Na terça-feira (17), às 21h30, em La Bombonera, o Timão visita o Boca Juniors pela quinta rodada da fase de grupos da competição continental.

Os atletas que atuaram por mais de 45 minutos ontem (14), no empate diante do Internacional, permaneceram no hotel onde o time está hospedado na capital gaúcha para um trabalho regenerativo.

Os demais foram à PUCRS, onde iniciaram os trabalhos com um aquecimento, seguido por um rondo. Depois, o técnico Vítor Pereira comandou um enfrentamento em campo reduzido. Por fim, houve uma dinâmica de finalizações em diferentes situações de jogo.

Os jogadores que não viajaram a Porto Alegre também trabalharam no CT Dr. Joaquim Grava, em São Paulo. Houve treino no campo e também tratamento com a fisioterapia para os atletas que estão em recuperação de lesões.

Leia mais:  Direto de Porto Alegre: elenco treina antes de embarque à Argentina

Ainda hoje (15), no período da tarde, a delegação corinthiana embarca rumo à Argentina. Na tarde desta segunda (16), no CT do San Lorenzo, o elenco fará o último treino preparatório para o duelo diante do Boca Juniors.

Tags: Futebol, Notícias

Categoria(s): FutebolCorinthians

fonte: https://www.corinthians.com.br/noticias/direto-de-porto-alegre-elenco-treina-antes-de-embarque-a-argentina

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana