conecte-se conosco

Curitiba

Conselho autoriza que mais três UPAs sejam gerenciadas por organizações sociais, em Curitiba

Publicado

G1 PR

Mais três Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Curitiba serão administradas por organizações sociais. O Conselho Municipal de Saúde aprovou a mudança de gerenciamento, nesta quarta-feira (19), com 19 votos favoráveis, oito contrários e uma abstenção.

As UPAs Boa Vista, Sítio Cercado e Cajuru terão administração como a UPA da Cidade Industrial de Curitiba (CIC), que desde agosto do ano passado é gerenciada por uma organização sem fins lucrativos.

Um processo, ainda sem prazo definido, será aberto para definir a organização que vai comandar as unidades.

A reunião do conselho nesta quarta teve clima de tensão quando servidores contrários à aprovação tentaram entrar no auditório e foram impedidos por guardas municipais. Representantes dos servidores já participavam da sessão.

Os servidores municipais são contrários ao modelo, que, segundo eles, precariza o atendimento. Os trabalhadores também dizem temer que sejam demitidos.

A secretária de Saúde de Curitiba, Márcia Huçulak, afirmou que os servidores dessas UPAs serão realocados. “Servidor público não pode ser mandado embora”, disse.

Leia mais:  Após pancada na madrugada, chuva deixa Curitiba! Veja a previsão completa!

Segundo ela, o modelo de administração aprovado dá mais agilidade na compra de insumos e materiais. Além disso, a secretária defende que o gerenciamento permite economia mensal de R$ 408 mil.

Márcia também foi cobrada pela falta de pediatras na UPA da CIC. Segundo ela, o problema é pontual e será solucionado o mais breve possível.

Comentários Facebook

Curitiba

Covid-19: remessa comCovid-19: remessa com 65,5 mil vacinas para crianças chega ao Paraná 65,5 mil vacinas para crianças chega ao Paraná

Publicado

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná) recebeu na madrugada desta terça-feira (18) mais 65.500 vacinas da Pfizer/BioNTech para crianças, de 5 a 11 anos, contra a Covid-19.

Esta é a segunda remessa direcionadA Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná) recebeu na madrugada desta terça-feira (18) mais 65.500 vacinas da Pfizer/BioNTech para crianças, de 5 a 11 anos, contra a Covid-19.

Esta é a segunda remessa direcionada ao público infantil e faz parte do 78º Informe Técnico do governo federal. O documento orienta os municípios a vacinarem seguindo a ordem de prioridades, começando pelas crianças com comorbidades e deficiências permanentes.a ao público infantil e faz parte do 78º Informe Técnico do governo federal. O documento orienta os municípios a vacinarem seguindo a ordem de prioridades, começando pelas crianças com comorbidades e deficiências permanentes.

As vacinas destinadas às crianças chegaram ao Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, às 23h10, e nos próximos dias serão distribuídas para as 22 Regionais de Saúde do Paraná.

Leia mais:  Empresa de investimentos virtuais pode ter lesado centenas de pessoas no PR

“Estamos só no começo ainda na vacinação deste novo público. Receberemos e vamos distribuir muitos lotes como este, para que, desta forma, consigamos atingir as mais de 1 milhão de crianças do Estado. Estou confiante de que, assim como foi com os adolescentes, teremos bastante comparecimento aos postos de vacinação”, disse o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

A imunização das crianças depende de consentimento dos pais ou responsáveis. Caso eles não estejam presentes no momento da vacinação, é necessário entregar uma autorização por escrito.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana