conecte-se conosco

Norte Pioneiro

CONFERÊNCIA DE SEGURANÇA NUTRICIONAL EM QUATIGUÁ

Publicado

NPdiário

Aprovadas propostas

Quatiguá realizou nesta quinta-feira (13) a sua II Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional. O evento teve como tema: “Comida de verdade no campo e na cidade: o que temos e o que queremos?”. O encontro foi realizado no Salão de Festas da Bordignon, contando com representantes do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional, Emater, autoridades municipais, produtores da Agricultura Familiar, equipes do PSF, equipe da Dengue e a comunidade civil.
A iniciativa foi promovida pelo Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, com apoio da prefeitura do município, Secretaria de Agricultura e Secretaria de Assistência Social.

Durante o encontro foi realizada uma avaliação da situação do tema no município, analisadas e aprovadas propostas, e eleitos os delegados que participarão da conferência estadual de Segurança Alimentar e Nutricional.

“O objetivo da conferência foi aproximar a sociedade civil e os gestores públicos para discutir políticas públicas relacionadas à uma alimentação saudável”, comentou uma das coordenadoras do evento, Edilene Preti Ferrari, engenheira agrônoma da Emater.
Foram realizadas palestras relacionadas ao tema, com o Chefe Regional da SEAB Fernando Emmanuel Gonçalves Vieira. A conferência discutiu três eixos principais: alimentação como princípio de existir; desafios e possibilidades na construção da política pública; e a geografia da fome e o desperdício de alimentos. “A conferência foi um espaço privilegiado para reflexões e discussões e a oportunidade para a construção conjunta da política de Segurança Alimentar e Nutricional no município”, ressaltou Fernando.

Leia mais:  Jovem fica ferida após carro sair de pista, cair em barranco e bater em árvore, na BR-376

A conferência em Quatiguá, que antecede a etapa estadual, ocorreu quando foram apresentadas recomendações para a formulação e ajustes das políticas voltadas para o tema, como o acesso a alimentos de qualidade, melhoria do abastecimento, sustentabilidade, futuro da agricultura familiar, entre outros.
Participaram da organização: o Secretário de Agricultura, Carlinhos Tramontin, Representantes da Secretaria – Mateus Parmezan e Sueli Gusmão, Secretário da Educação Christian Giovane, Secretária de Assistência Social Lenice Bernardino, Nutricionista Isabella, Engenheira Agrônoma da Emater  Edilene e as Assistentes Sociais Marielle e Cristina.

Comentários Facebook

Norte Pioneiro

Cartão Comida Boa’ está sendo entregue para mais de 3.700 beneficiados em Bandeirantes

Publicado

Através das secretarias municipais de Ação Social e da Educação e Cultura, a Prefeitura de Bandeirantes passou a entregar desde quinta-feira (14) passada os mais de 3.700 cartões aos beneficiados do programa estadual ‘Comida Boa’. O sistema de distribuição está sendo realizado conforme mês de nascimento do cidadão. No dia 14, as pessoas que nasceram nos meses de janeiro a abril retiraram os cartões. No dia 15 (sexta-feira), foi a vez dos nascidos entre os meses de maio a agosto. E no dia 18 (próxima segunda-feira) são as pessoas cujo nascimento entre os meses de setembro a dezembro. Aqueles que não conseguirem retirar os cartões nos referidos dias, uma nova data deverá ser estudada e marcada para realizar a entrega.

Segundo a secretária de Ação Social, Maria de Fátima Rego Oliveira, o auxílio emergencial prevê o repasse de até três parcelas mensais de R$ 50 para compra exclusiva de alimentos para famílias do CadÚnico (Cadastro Único) que estão enfrentando dificuldades financeiras por conta da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). “A pedido do nosso prefeito Lino Martins, uma força tarefa foi organizada para atender a demanda”, comentou. A Secretaria da Educação e Cultura também está trabalhando no apoio e suporte na rede de atendimento à população beneficiada para a distribuição dos mais de 3.700 cartões. “É preciso apresentar RG ou documento com foto e também o CPF. O cartão Comida Boa funcionará como um voucher, por meio de QR Code, por isso existe a necessidade da apresentação dos documentos”, enfatizou Valquíria.

Leia mais:  EXONERADO SECRETÁRIO DE ESPORTES DE SANTO ANTÔNIO DA PLATINA

As secretárias de Ação Social e da Educação reforçaram às pessoas para procurarem as localidades mais próximas das suas residências ou àquelas com menor fluxo de transeuntes. “É um período que não pode haver aglomerações, se isso ocorrer, vamos ter que interromper o atendimento. E R$ 50 é um valor importante, é valor de uma cesta básica. Mas também temos a responsabilidade com a saúde e com a vida para evitar a propagação do Coronavirus”, alertaram.

O horário de atendimento acontece das 08h às 11h e das 13h às 17h.
Os locais de atendimento são: CMEI Dr Bezerra de Menezes, CMEI Paulo Meneghel; CREAS Jardim Yara; Escolas Municipais: Maria de Lourdes Guedes Mendes, Maria Inês Speer Faria, Prefeito Moacyr Castanho, Santa Terezinha, Yukiti Matida; Igreja Comunidade Pão da Vida; e Praça Brasil/Japão.

O cartão do programa ‘Comida Boa’ é para ser utilizado na compra exclusiva de alimentos em supermercados, mercadinhos, padarias, açougues, entre outros estabelecimentos do gênero cadastrados no site cartaocomidaboa.pr.governo.br.

Em Bandeirantes, até o momento estão cadastrados: Mercearia do Serginho, Ueda Supermercados, Cidade Canção, Mercado Guaíra, Mercado Frama, Vale Supermercado, Molinis Supermercados, Mega10, Mercado Paraíso, Mercado União, Panificadora Shekinah, Supermercado Superbom, Supermercado e Padaria da Vovó, Mercado São Francisco.

Leia mais:  COLISÃO FRONTAL MATA HOMEM DE 54 ANOS EM JAPIRA

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana