conecte-se conosco

Geral

Quando mercados enlouquecem, mulheres mantêm a calma

Publicado

Investidora: abordagem das mulheres ao risco lhes dá uma vantagem no gerenciamento ativo de recurso (Getty Images/Getty Images)

Se as oscilações extremas do mercado se tornaram o novo padrão de normalidade, inspire-se nas investidoras para manter a calma e seguir adiante

(Bloomberg) — Se as oscilações extremas do mercado se tornaram o novo padrão de normalidade, inspire-se nas mulheres do mundo dos investimentos para manter a calma e seguir adiante.

Os homens têm quatro vezes mais probabilidades de retirar seus investimentos durante períodos de turbulência, afirma um novo estudo da Nutmeg Saving and Investment, uma assessoria-robô com sede na Europa.

Os pesquisadores se concentraram nas oscilações violentas de preço do FTSE 100 Index nos últimos seis anos, definidas como qualquer momento em que o indicador teve oscilação de mais de 1,5 vez sua volatilidade mensal normal.

Eles disseram que dos 50.000 investidores no Reino Unido presentes na plataforma da Nutmeg, as mulheres frequentemente mantiveram as posições frente a eventos como o pânico da dívida grega, em 2013, e a correção do mercado, em fevereiro.

O estudo se alinha aos realizados pela Morningstar que apontaram que, em média, a abordagem das mulheres ao risco lhes dá uma vantagem no gerenciamento ativo de recursos, em particular na renda fixa.

Leia mais:  Braga Netto anuncia que haverá transição na intervenção no Rio

“É bom ver que as investidoras se mantêm no caminho durante períodos de volatilidade do mercado”, disse Shaun Port, diretor de investimentos da empresa com sede em Londres. “É provável que isso as coloque em uma posição financeira melhor a longo prazo.”

Contudo, a maioria esmagadora, dos dois gêneros, manteve o rumo durante os eventos de volatilidade — apenas 2,4 por cento ajustaram a tolerância ao risco ou venderam investimentos. Entre os que venderam, contudo, os homens foram de longe o maior grupo, segundo a Nutmeg.

 

Fonte: Exame

 

Comentários Facebook

Geral

PF desarticula quadrilha que roubava funcionários dos Correios na Grande Curitiba

Publicado

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta a segunda fase da operação Mascarados, que tem como o objetivo de desarticular grupo suspeito de efetuar seis roubos contra funcionários dos Correios no ano de 2020, em Curitiba e Colombo, no Paraná. Os fatos criminosos ocorreram no mês de dezembro, quando um grande volume de mercadorias SEDEX são distribuídas pelos Correios, em razão das compras de natal.

Conforme foi identificado na investigação policial, os criminosos utilizaram arma de fogo para praticar o crime, abordando o carteiro e roubando o veículo de distribuição. A subtração dos objetos postais do veículo ocorria de forma rápida em um ponto ainda próximo ao local dos fatos, ocorrendo o transbordo para um veículo dos suspeitos. A divisão dos objetos roubados era realizada em uma das residências dos investigados, no município de Colombo/PR.

A prisão no dia de hoje ocorreu no município de Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. O preso será indiciado pelo crime de receptação e roubo qualificado, cuja pena pode chegar a 15 anos de reclusão.

Leia mais:  PF combate tráfico de drogas e roubo de cargas em Itaboraí

O mandado judicial foi expedido 9ª Vara da Justiça Federa em Curitiba/PR.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana