conecte-se conosco

Esportes

Ponte conquista ponto importante diante do líder invicto Náutico

Publicado


Em um jogo emocionante e disputado até o final, a Ponte Preta fez uma grande partida e podia até ter vencido, não fossem erros cruciais da arbitragem.  A Macaca sufocou o líder no primeiro tempo, com direito a pênalti não-marcado e com gol de Moisés aos 18 minutos. No segundo, mais um erro do juiz prejudicou a equipe a Macaca, que tomou gol originado de um escanteio inexistente.

Valente, a Macaca foi para cima e teve duas bolas tiradas pela zaga em cima da linha do gol, além de outras oportunidades reais em um jogo que lutou até o fim, mas a partida terminou mesmo no 1 a 1. “Se tivesse que sair um vencedor hoje, teria de ser a Ponte, mas vamos manter os pés no chão para a gente sair logo dessa situação e buscar coisas melhores”, diz o capitão Ivan, que reestreou hoje no gol com direito a uma bela defesa no finalzinho do confronto.

Invicta há seis partidas, a Ponte Preta volta a campo às 18h30 de sábado (17), no Majestoso, contra o Remo.

O jogo

A Ponte chegou com perigo logo aos dois minutos. Após cruzamento rasteiro de Kevin, Moisés ficou com a sobra dentro da área, recebeu pênalti – não anotado pelo juiz – e ainda conseguiu chutar, com a defesa adversária tirando a bola em cima da linha.  Aos 11, a Macaca saiu em velocidade. Niltinho passou para Camilo, mas a defesa do Náutico cortou.

Aos 13, Niltinho chutou forte, de longe, e o goleiro adversário defendeu com dificuldade. Aos 17, Dahwan tentou de novo, de longe, mas mais uma vez o camisa 1 pegou. Aos 18, porém, saiu o gol da Macaca. Camilo passou para André Luiz que, de longe, mandou uma bomba para o gol. O goleiro adversário espalmou com dificuldade e Moisés pegou a sobra, mandando a bola para o fundo das redes. 1 a 0 para a Macaca.

Aos 22, quase a Macaca ampliou. Moisés entrou bem na área e ficou cara a cara com o goleiro adversário e tentou cruzar para Niltinho, mas ela acabou saindo. O Náutico pressionava para empatar, mas a Ponte marcava muito bem e tentava explorar os contra-ataques. Aos 42, Richard armou o contra-ataque, passando para Moisés, que inverteu para Camilo. O meia desceu em velocidade e chutou firme, ganhando escanteio. O próprio meia cobrou e a zaga desviou para trás, mas o juiz marcou falta de ataque. Aos 49, o juiz terminou o primeiro tempo.

  Figueirense segue preparação para enfrentar CRB

Leia mais:  Neto, ex-Athletico, entra na mira do Barcelona

No segundo tempo, a Ponte chegou ao ataque aos dois minutos, com Richard, mas o atacante foi parado com falta. Um minuto depois, Dawhan lançou Moisés, que matou a bola de cabeça no ataque, mas ela pegou força e saiu. Com mudanças no intervalo, o Náutico ficou mais agressivo e chegou ao gol de empate aos quatro, em cruzamento na área  a partir de um escanteio que o árbitro marcou equivocadamente, com bola de cabeça. 1 a 1.

A Ponte respondeu já na sequência, com Niltinho, mas a zaga impediu a conclusão. Aos oito, Niltinho mais uma vez puxou contra-ataque, mas foi parado com falta. Aos nove, novo contra-ataque da Ponte, com Moisés levando a bola até Niltinho. O camisa 7 mandou uma bomba, para defesa difícil do goleiro adversário, que mandou para escanteio. Camilo cobrou na área e o próprio Niltinho tentou chutar, mas foi travado na hora agá.

O jogo estava aberto e aos 23 Richard dominou bola pela esquerda, cortou para o meio e finalizou, carimbando a zaga. Os donos da casa tiveram três chances seguidas em escanteios, mas a zaga alvinegra marcava bem. Na última, aos 26, Fessin armou contra-ataque rápido e passou para Moisés, mas o goleiro adversário saiu do gol e cortou quase do meio de campo.

Na sequência, Thalles sentiu a coxa e precisou ser substituído por Renatinho. Aos 30, em lance de ataque do adversário, o juiz viu pênalti a favor do Náutico em lance de defesa de Fábio Sanches. Porém, na cobrança, na tentativa de tirar a bola do Ivan, Jean Carlo chutou alto demais e ela saiu por cima do gol.

Aos 33, Kevin cruzou a bola na área e o Náutico segurou literalmente na linha do gol. Aos 35, Moisés chutou firme, mas o goleiro oponente defendeu. Aos 36, nova bola da Ponte na área, Cleylton desviou e a zaga tirou de novo em cima da risca. Aos 40, cobrança de escanteio fechada de Moisés na área adversária, levando perigo ao gol adversário.

  Brasil de Pelotas perde para Náutico de 1 a 0 na Série B

Leia mais:  Sport domina Santa Cruz no Arruda e consegue vitória nos minutos finais

A Ponte crescia no finalzinho e o adversário abusava das faltas. Aos 41, Renatinho foi derrubado pela ponta esquerda. Na cobrança da falta, Moisés mandou na área, mas ninguém alcançou. Aos 43, Kevin cobrou lateral na área e Fessin disputou a bola com o goleiro adversário, mas o juiz deu falta de ataque.  Aos 46, bola na área cruzada por Fessin e Josiel quase tentou cabecear, mas o goleiro defendeu.

Aos 48. Jogada de rapidez para Moisés, que passou para Renatinho na área, mas o meia ficou sem ângulo para concluir e acabou tentando o passe , para corte do adversário. No minutp seguinte, bela defesa de Ivan em chute forte do oponente, impedindo a virada. Em novo escanteio, a defesa alvinegra tirou e o juiz apitou o final do jogo.

Ficha do jogo

Ponte Preta: Ivan, Kevin, Fábio Sanches, Cleylton e Felipe Albuquerque; Dawhan (Vini Locatelli), Camilo (Thalles, depois Renatinho) e André Luiz; Richard (Josiel), Niltinho (Fessin) e Moisés. Técnico: Gilson Kleina.

Náutico: Jeferson; Bryan, Carlão, Camutanga e Breno Lohan (Rafinha); Matheus Trindade (Giovanny), Rhaldney e Marciel; (Guilherme), Jean Carlos, Vinícius e Paiva (Iago). Técnico: Hélio dos Anjos.

Gols: Moisés, aos 18 do primeiro tempo; Camutanga aos quatro do segundo

Arbitragem: Jonathan Antero Silva apitou, tendo como assistentes Adenilson de Souza Barros e Joverton Wesley de Souza Lima. O quarto árbitro foi Michelangelo Martins de Almeida Junior.

Cartões amarelos: Dawhan, Niltinho, Locatelli Gilson Kleina (Ponte) ; Marciel, Rafinha, Jean Carlos e Hélio dos Anjos (Náutico)

Partida válida pela 11ª rodada da série B do Brasileiro 2021, disputada no Estádio dos Aflitos, sem público (nem renda) em virtude da pandemia

fonte: https://pontepreta.com.br/noticias-detalhe/20210703pppnt

Comentários Facebook

Esportes

Danilo avança na transição física, e Palmeiras finaliza preparação para duelo com Sport

Publicado


O Palmeiras começou na tarde desta sexta-feira (22), na Academia de Futebol, a preparação para o confronto com o Sport, na segunda (25), às 21h30, no Allianz Parque, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. A novidade do dia foi o meio-campista Danilo, que avançou em seu processo de transição física.

Recuperado de canelite na perna direita e na perna esquerda, o camisa 28 trabalhou pela primeira vez com o grupo após o problema físico. O jogador, no entanto, atuou como ‘curinga’ (tendo podido tabelar com ambos os times) e saiu antes do final das atividades técnicas – as duas em dimensões reduzidas, sendo a primeira somente com atletas de linha e a segunda com a presença dos goleiros. Danilo jogou pela última vez contra o Juventude, no dia 3 de outubro, e foi desfalque diante de América-MG, Red Bull Bragantino, Bahia, Internacional e Ceará.

Mayke fez movimentações no gramado com profissionais da preparação física alviverde (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

O lateral-direito Mayke, depois de ter feito uma cirurgia no joelho direito, realizou movimentações internas e também no gramado, inclusive com bola, sob a supervisão da preparação física alviverde. Jorge e Gabriel Menino cumpriram cronograma no centro de excelência com o Núcleo de Saúde e Performance.

  Palmeiras realiza últimos ajustes para clássico com o Corinthians

Leia mais:  CANAL OFICIAL: Diego Costa comemora golaço na estreia

Autor do gol da vitória sobre o Ceará, na quarta (20), o atacante Deyverson valorizou o momento coletivo da equipe. “Pessoalmente, é muito bom voltar a marcar. Venho tendo oportunidades e tentando sempre aproveitá-las ao máximo. Em relação ao grupo, estão todos de parabéns pela segunda vitória consecutiva no campeonato após um momento turbulento, mas futebol é assim. Agora é continuar neste foco e nesta determinação para manter esta sequência”, afirmou.

O Verdão volta a treinar no sábado (23), às 10h. O Maior Campeão do Brasil ocupa no momento a terceira posição do Brasileirão com 46 pontos. No primeiro turno, no dia 4 de julho, o Palmeiras venceu o Sport por 1 a 0, com gol do meio-campista Gustavo Scarpa.

O atacante Dudu durante treinamento na Academia de Futebol (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

fonte: https://www.palmeiras.com.br/pt-br/noticias/danilo-avanca-na-transicao-fisica-e-palmeiras-inicia-preparacao-para-duelo-com-sport/

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana