conecte-se conosco

Cidades

Novos fósseis são descobertos no sítio paleontológico de Cruzeiro do Oeste

Publicado

O Bemdito

Novos fósseis foram descobertos no sítio paleontológico de Cruzeiro do Oeste e podem ser de uma espécie ainda desconhecida. A novidade foi anunciada pelo Museu Paleontológico de Cruzeiro do Oeste, que atua em parceria com a Universidade Estadual de Maringá (UEM) e a Universidade de São Paulo (USP).

Todos os detalhes da nova descoberta serão apresentados em uma coletiva de imprensa, na próxima quarta-feira (26), no auditório Nadir Cancian, anexo à UEM, em Maringá.

O evento deve reunir a comunidade científica mundial, com a participação de cientistas, paleontólogos e estudiosos do assunto de várias universidades, além da imprensa internacional.

Serão apresentadas as primeiras imagens da nova espécie e todas as informações da pesquisa, que culminou no achado.

“Só podemos adiantar que o dinossauro de Cruzeiro do Oeste é único no mundo e que sua descoberta acrescenta muito sobre a vida na pré-história do nosso planeta”, disse a historiadora, diretora do Museu Paleontológico de Cruzeiro do Oeste, Neurides Martins.

A historiadora descobriu e identificou os fósseis do novo dinossauro após cerca de cinco anos de pesquisas e estudos junto ao material coletado no sítio paleontológico. O material, blocos de rocha sólida, foi retirado em 2014 e ainda está sendo estudado. Outras descobertas devem ser anunciadas em breve.

Leia mais:  Dois gatinhos são envenenados no Jardim Panorama durante o fim de semana

Pterossauro

O sítio paleontológico de Cruzeiro do Oeste ficou famoso após a descoberta de fósseis de pterossauro, que posteriormente foram batizados com o nome de Caiuajara dobruskii.

A espécie, inédita no mundo, foi encontrada pelo agricultor Alexandre Dobruski e desde então o sítio paleontológico vem sendo escavado.

(Com informações: Assessoria)

Comentários Facebook

Cidades

Prefeito evangélico é alvo de macumba em Mato Grosso

Publicado

O prefeito Jeferson Ferreira Gomes (DEM), de Comodoro, extremo oeste de MT, que é evangélico, foi surpreendido por um “despacho espiritural” no cemitério da cidade. A informação é do site Olhar Direto.

Segundo a publicação, o despacho foi descoberto na primeira quinzena neste mês.

No local havia um papel com nome do prefeito em cruz, garrafa de cachaça e um sapo morto. Tudo junto e misturado. O “trabalho” foi descoberto por uma moradora que visitava o túmulo de parente.

O despacho estava na porta, com terra de cemitério sobre o nome.

Não se sabe por quais motivos, alguém deseja a morte do prefeito, que não comentou o assunto.

Mistério!

Comentários Facebook
Leia mais:  Trabalhadores do comércio de Umuarama recebem 4% de reajuste relativo a 2018/19
Continue lendo

Mais Lidas da Semana