conecte-se conosco

Cidades

Greve dos professores chega ao sétimo dia com maior adesão, aponta APP

Publicado

O Bemdito

A greve do funcionalismo público do Paraná chega, nesta segunda-feira (1º) ao sétimo dia. O movimento, segundo a APP atinge 90% dos colégios estaduais do Paraná. Na região de Umuarama, conforme o sindicato dos professores, houve um aumento de 70 docentes nesta segunda-feira.

Neste 1º de julho, alguns representantes da categoria estiveram presentes em Curitiba para um ato unificado. Eles se concentraram na Praça Santos Andrade e realizaram uma marcha até o centro cívico, onde os servidores permaneceram até à tarde para a sessão da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP). O objetivo da manifestação na ALEP foi pedir o apoio de deputados para que o governo negocie com os servidores. 10 representantes de Umuarama estiveram presentes na manifestação na capital do Paraná.

“O movimento está crescendo e a expectativa é que aumente nos próximos dias com os trabalhos que estamos realizando de diálogo com os professores”, diz o presidente da APP em Umuarama, Claudemir Müller.

De acordo com o presidente, os destaques são as cidades de Iporã e Cruzeiro do Oeste. Iporã está com 90% de adesão e Cruzeiro do Oeste, dos três colégios existentes, o Colégio Estadual Almirante Tamandaré está com 80% de adesão e o Colégio Estadual Anchieta com quase 100%. Em Umuarama, os colégios José Balan e Princesa Izabel são os que mais possuem adesão, ambos com 50%.

Leia mais:  Por que a construção bomba em SC e no PR está travada?

A principal reivindicação das categorias do funcionalismo público é que o governo pague a data-base acumulada em 17% (reposição da inflação) aos servidores, conforme dados repassados pelo sindicato. Professores, funcionários, policiais e profissionais de outras categorias estão com os rendimentos congelados desde 2016. A reivindicação é de 4,94%, referente a inflação dos últimos 12 meses, mais a negociação dos atrasados. O cálculo das perdas é equivalente a não receber mais de dois salários por ano. Até o momento, o governo não renegociou a questão com os funcionários públicos, o que faz com que o fim da greve esteja longe de acontecer, já que a categoria segue na resistência.

Comentários Facebook

Cidades

Prefeito evangélico é alvo de macumba em Mato Grosso

Publicado

O prefeito Jeferson Ferreira Gomes (DEM), de Comodoro, extremo oeste de MT, que é evangélico, foi surpreendido por um “despacho espiritural” no cemitério da cidade. A informação é do site Olhar Direto.

Segundo a publicação, o despacho foi descoberto na primeira quinzena neste mês.

No local havia um papel com nome do prefeito em cruz, garrafa de cachaça e um sapo morto. Tudo junto e misturado. O “trabalho” foi descoberto por uma moradora que visitava o túmulo de parente.

O despacho estava na porta, com terra de cemitério sobre o nome.

Não se sabe por quais motivos, alguém deseja a morte do prefeito, que não comentou o assunto.

Mistério!

Comentários Facebook
Leia mais:  Por que a construção bomba em SC e no PR está travada?
Continue lendo

Mais Lidas da Semana