conecte-se conosco

Esportes

Fora de casa, Operário-PR vence o Remo na abertura da rodada da Série B

Publicado


Em Belém, Fantasma jogou com um a menos na maior parte do jogo e bateu o time da casa por 1 a 0


Abrindo a 16ª rodada da Série B do Brasileirão, o Operário-PR garantiu três pontos para a tabela de classificação ao vencer o Remo-PA por 1 a 0, no Baenão, em Belém. O resultado desta sexta-feira (6) deixa o Fantasma com 24 pontos, ocupando o sétimo lugar no momento. O Leão, com 19, aparece na 12ª posição.

+Confira a tabela completa da Série B do Brasileirão!

O jogo

No primeiro tempo em Belém, as equipes fizeram um jogo equilibrado e criaram uma boa chance de gol para cada lado. O Operário, que teve o volante Rafael Chorão expulso ainda aos quatro minutos de bola rolando, levou perigo primeiro. Thomaz fez boa jogada individual, se livrou de Thiago Ennes e chutou rasteiro em direção ao gol. Vinícius não conseguiu fazer a defesa, e a bola sobrou para Pimpão, que por muito pouco não alcançou para completar.

O Remo, com mais posse de bola, não conseguiu transformar a vantagem em muitas oportunidades de gol. A melhor chegada foi na marca dos 27 minutos, quando Felipe Gedoz recebeu de Thiago Ennes, arriscou chute de fora da área e exigiu boa defesa de Simão.

  Brusque e Coritiba empatam jogo adiado da quarta rodada da Série B

Leia mais:  Coritiba se prepara para a estreia na temporada, diante do União Rondonópolis

O cenário não mudou para o segundo tempo, com o equilíbrio dominando entre as equipes. O Fantasma quase abriu o placar aos sete minutos, quando Paulo Sérgio arriscou de longe e explodiu a trave. Na marca dos 17, o Remo também ficou no quase no chute de Rafinha, que finalizou bem, mas viu a bola bater na trave e sair. O Operário respondeu três minutos depois e inaugurou o marcador. Thomaz recebeu no meio de campo, avançou para cima da marcação e finalizou de canhota para fazer 1 a 0 para a equipe alvinegra.

Ficha técnica
Remo 0x1 Operário
Campeonato Brasileiro – 16ª rodada
Estádio Baenão – 06/08/21

Operário: Simão, Fábio Alemão, Reniê, Rodolfo Filemon (Zemarcio), Fabiano; Leandro Vilela, Rafael Chorão, Leandrinho; Thomaz Santos (Odivan), Rodrigo Pimpão (Cleyton) e Paulo Sérgio (Schumacher).
Téc: Matheus Costa.
Banco: Thiago Braga, Tibagi.

Remo: Vinícius; Thiago Ennes (Wellington Silva), Kevem, Romércio e Igor Fernandes; Pingo (Marcos Junior), Lucas Siqueira e Felipe Gedoz (Renan Gorne); Matheus Oliveira (Rafinha), Arthur e Lucas Tocantins.
Téc: Felipe Conceição.
Banco: Thiago, Rafael, Ronald, Warley, Sueliton, Marlon, Paulo Curuá.

  Felipe conceição destaca superioridade da equipe. mas lamenta erros que foram determinantes par o resultado negati

Leia mais:  Palmeiras larga na frente por vaga nas quartas ao vencer Universidad Católica-CHI pela Libertadores

Gol: 19´2T Thomaz Santos (Operário).
Cartões amarelos: Fábio Alemão, Simão, Cleyton (Operário); Pingo, Marcos Júnior, Kevem (Remo).
Cartão vermelho: Rafael Chorão (Operário).

Árbitro: Dyorgines Jose Padovani de Andrade – ES
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires – ES e Fabio Faustino dos Santos – ES
Quarto árbitro: Olivaldo José Alves Moraes – PA

Assessoria de Imprensa Operário Ferroviário
Fotos: Gabriel Tha/OFEC

Fonte: https://www.cbf.com.br/futebol-brasileiro/competicoes/campeonato-brasileiro-serie-b-jogos/2021-42-2-160

Comentários Facebook

Esportes

Clima de decisão: Galo encerra treinos para encarar o Fortaleza

Publicado


O grupo atleticano realizou na tarde de hoje, dia 19, o último treino antes do primeiro duelo contra o Fortaleza, pela semifinal da Copa do Brasil. A partida acontecerá amanhã, às 21h30, no Mineirão.
O jogo de volta será realizado na próxima quarta-feira, dia 27, no Estádio Castelão, em Fortaleza, também às 21h30.
Fotos: Pedro Souza / Atlético
Equilíbrio nas estatísticas: O retrospecto do embate entre os clubes evidencia igualdade. Foram 14 partidas, com seis vitórias para cada lado e dois empates.
Essa será a segunda vez que Galo e Fortaleza se enfrentam pela Copa do Brasil. Em 2006, as equipes jogaram pelas oitavas de final. O Atlético foi superado por 2 a 0 no Mineirão, mas avançou às quartas de final após vencer o tricolor por 3 a 1 em Fortaleza.
O Galo disputou as semifinais da competição em cinco oportunidades. A última vez foi em 2016, quando superou o Internacional e decidiu o título com o Grêmio.
Em 2014, pela mesma etapa do torneio, o Atlético goleou o Flamengo por 4 a 1, em jogo emocionante no Mineirão, e avançou para a final. Em seguida, conquistou o título com duas vitórias sobre o Cruzeiro.
fonte:https://atletico.com.br/noticias/clima-de-decisao-galo-encerra-treinos-para-encarar-o-fortaleza

  Galinho está nas quartas de final da Copa do Brasil Sub-20

Leia mais:  Zetti é apresentado no São Paulo: "Vamos dar continuidade à tradição de goleiros"

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana