conecte-se conosco

Esportes

Dudu conta como família largou tudo para viver seu sonho: “Meu pai até vendeu nosso carro”

Publicado


Uma das peças do elenco de Aspirantes do Athletico é o meia-atacante Dudu. O jovem de 20 anos chegou ao Clube na temporada passada e disputou 17 jogos na campanha do Campeonato Brasileiro Sub-20.

Gaúcho de Espumoso, município distante cerca de 250km da capital Porto Alegre, o garoto começou cedo a correr atrás do que hoje é a sua profissão.

Também teve que sair do Interior em busca de melhores oportunidades, em uma jogada em que a família apostou alto.

“Eu nasci em Espumoso, no Interior do Rio Grande do Sul. Uma cidade com 20 mil habitantes, com poucas oportunidades para seguir o sonho de ser jogador de futebol”, contou Dudu. “A bola sempre foi meu brinquedo favorito, chegava a dormir com ela”, completou.

Toda essa intimidade com a bola lhe rendeu o talento necessário para que, na primeira escolinha de futebol em que jogou, já atuasse entre os garotos mais velhos. “Com sete anos, eu já jogava no Sub-09 da Serdjim, escolinha de futsal da minha cidade”, disse.

  Athletico não supera o Flamengo e é eliminado com facilidade da Copa do Brasil

Leia mais:  América domina o jogo e vence o Coimbra pelo Campeonato Mineiro

Cinco anos depois, Dudu recebeu a oportunidade de atuar pelo Internacional. Foi então que os pais largaram tudo em Espumoso e se mudaram junto com o filho para a capital gaúcha.

“Impossível não falar dos meus pais nessa trajetória. Largaram tudo sem saber onde iríamos morar, sem trabalho, sem nada. Meu pai até vendeu o nosso carro para podermos nos manter na época. Foi o momento mais difícil que passamos”, revelou.

Hoje, em um dos maiores clubes do Brasil, Dudu se sente orgulhoso. “Tudo isso foi pelo sonho de ser jogador. Passamos por muitas dificuldades juntos e hoje é muito gratificante eles estarem ao meu lado vendo eu realizar nossos sonhos”, disse.

Foram sete anos no Colorado antes de trocar Porto Alegre por Curitiba, onde a família Scheit desembarcou em outubro de 2020. No Furacão, ele foi bem recebido,  adaptou-se e agora aguarda, motivado, a oportunidade da estreia como profissional.

“O Athletico me dá oportunidade para que eu possa me tornar um grande jogador. Quero jogar na Arena lotada, ganhar títulos e fazer história nesse clube. Estou aqui há seis meses e fico impressionado com a grandeza do clube, a organização, a estrutura. Com todas as condições que o clube nos proporciona para fazermos o que mais amamos”, finalizou Dudu.

  Com oito derrotas em 15 partidas, Athletico tem a quarta pior campanha

Leia mais:  Sport domina Santa Cruz no Arruda e consegue vitória nos minutos finais

Ficha técnica: Dudu
Nome: Eduardo Scheit
Data de nascimento: 25/02/2001 [20 anos]
Cidade: Espumoso (RS)

Créditos: Bruno Baggio/athletico.com.br

Comentários Facebook

Esportes

Santos FC empata em 0 a 0 com Sport na Arena Pernambuco

Publicado


O Santos FC empatou com o Sport em 0 a 0 pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, jogando na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE).

O próximo compromisso do Peixe acontece no próximo sábado (23), às 17 horas, diante de sua torcida, na Vila Belmiro. O adversário será o América-MG em confronto válido pela 28ª rodada do Brasileirão.

O jogo

O Alvinegro Praiano chegou ao ataque com perigo aos onze minutos de jogo. Marinho avançou em velocidade pela direita e acertou cruzamento preciso para Raniel finalizar de cabeça. A bola, no entanto, parou nas mãos do goleiro Maílson.

Com dezesseis minutos, Carlos Sánchez recebeu passe de Camacho aberto pela esquerda da entrada da área. O uruguaio arriscou finalização colocada e fez a bola passar a poucos centímetros do ângulo esquerdo do goleiro do Sport.

Já aos 41 minutos da primeira etapa, Lucas Braga recebeu cruzamento do lado esquerdo da grande área e tentou a finalização colocada, mandando a bola no pé da trave esquerda. No rebote, Braga tentou nova finalização, mas foi bloqueado por Rafael Thyere.

  Ju bate o Sport no Jaconi e conquista primeira vitória no Brasileirão

Leia mais:  Piá do Couto está de volta ao time do Coritiba

No segundo tempo o Santos resistiu bem às investidas da equipe da casa, mas também não conseguia chegar com perigo ao gol adversário.

Aos 38 minutos da etapa, o Lucas Braga recebeu pela esquerda do ataque, se livrou dos marcadores e conseguiu finalizar para o gol. Sem muita força, a bola acabou ficando nas mãos de Maílson

Pouco depois, aos 41, Marinho bateu falta alçando a bola à área e encontrou o zagueiro uruguaio Emiliano Velázquez. Na tentativa da finalização de cabeça a bola acabou passando por cima do travessão.

FICHA TÉCNICA

SPORT 0 X 0 SANTOS
Local: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Público: 5.272
Renda: R$193.550,00
Data: domingo, 17 de outubro de 2021
Horário: 20h30
Árbitro: Anderson Daronco
Assistentes: Rafael da Silva Alves e Michael Stanislau
Cartões Amarelos: (SFC) Carlos Sánchez, Wagner e Madson (SPO) Sander
Gols: (SFC)
Santos FC: Jandrei; Danilo Boza, Velázquez e Wagner (Felipe Jonatan); Marcos Guilherme (Madson), Camacho, Vinícius Zanocelo, Carlos Sánchez (Luiz Henrique) e Lucas Braga; Marinho (Ângelo) e Raniel (Diego Tardelli). Técnico: Fábio Carille
Sport: Maílson; Ewerthon, Sabino, Rafael Thyere e Sander; Marcão Silva, José Welison e Luciano Juba (Paulinho Moccelin); Gustavo Oliveira (Tréllez), Mikael e Everaldo (Leandro Barcia). Técnico: Gustavo Florentín

  Na volta da torcida ao Morumbi, Tricolor empata com o Santos

Leia mais:  Furacão terá 23 jogadores à disposição para a partida contra o Flamengo

(Texto: Tiago Maestre (Estagiário) com supervisão de Fábio Maradei (Gerente de Comunicação) e Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana