POLÍTICA

01/02/2018 08:26

Assembleia pretende gastar até R$ 492 mil por mês com TV

Por Ivan Santos, Bem Paraná.

A Assembleia Legislativa lançou edital de licitação para contratar empresa para operar e produzir a programação da TV que transmite as sessões e trabalhos da Casa por até R$ 492.419,03 mensais. Além disso, abriu outra concorrência para adquirir 57 mini computadores, com leitores biométricos e monitores “touch scream” para uso dos deputados no plenário por até R$ 406.353,00. 


No caso da TV, o prazo do contrato é de 30 meses, ou dois anos e meio e a licitação está marcada para o próximo dia 22. O serviço inclui a produção de reportagens, programas e a transmissão das sessões e trabalhos do Legislativo. 


O edital estabelece que a empresa que vencer a licitação terá a responsabilidade pelas transmissões ao vivo, cobertura jornalística dos trabalhos, produção de conteúdo e exibição de programas no período especificado das 9 horas às 00 horas, conforme a pauta e a grade de programação definida pela Diretoria de Comunicação da Assembleia. Também fará o planejamento operacional de programação; coordenação técnica de exibição; entre outros itens. Será ainda de responsabilidade da contratada a produção de reportagens e cobertura de eventos em Curitiba e no interior do Estado. 


Para isso, a empresa terá que disponibilizar os profissionais e equipamentos necessários. Entre técnicos e jornalistas, por exemplo, o edital prevê que 42 profissionais devem ser mobilizados para a operação da emissora. 


Em relação a equipamentos, a exigência é de que sejam fornecidas cinco câmeras profissionais padrão “Broadcast” para produção de estúdio e Plenário; duas câmeras robóticas HD Pan-Tilt-Zoom com painel de controle remoto por IP; além de câmeras de uso profissional do tipo Semi-Ombro (portáteis), com gravação em cartões de memória e que oferece qualidade de captação Full HD, dois monitores profissionais de LCD 17” com entradas HD-SDI e suporte para rack, 1 monitor profissional de OLED 17” com entradas para SDI e suporte para rack; 4 TV’s Full HD de 50”, 8 monitores profissionais de LCD de 9”; e três gravadores digitais para montagem em rack, cada um com capacidade de armazenamento de 1 Terabyte.


Informatização – No início do ano passado, a Assembleia gastou R$ 634 mil com a compra de um novo painel eletrônico de votação para o plenário da Casa. Ele substitui o painel adquirido em 2008, a um custo de R$ 231,3 mil em valores da época.


Agora, a direção do Legislativo pretende avançar no processo de informatização das sessões, adquirindo mini computadores e monitores com telas sensíveis ao toque semelhantes a tablets, com leitor de impressões digitais para as votações. Em relação aos mini computadores, o valor máximo previsto no edital para cada equipamento é de R$ 4.116,67. Para os monitores, o valor por unidade é de R$ 1.995,33 e para os leitores biométricos R$ 1.017,00. A abertura das propostas está prevista para o próximo dia 16.


Fale com a gente

Londrina.. Rua paranagua. 876 centro de londrina PR
Fone 043 98435 0286 / 043 98416 9659

Rua Duque de Caxias, 145
São Francisco Curitiba- PR
Fone: 041 3152 0071

Coluna Social

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo