conecte-se conosco

Esportes

Paraná Clube busca reforços para o meio-campo e para o ataque

Publicado

Bem Paraná - Silvio Rauth Filho

O Paraná Clube vai utilizar a pausa de um mês para a Copa América para reformular o elenco. O técnico Matheus Costa explicou, na última terça-feira, após a vitória sobre o Operário, que alguns jogadores podem sair. E que contratações serão feitas. “Estamos discutindo algumas situações. Vamos ter uma conversa com a direção de algumas saídas e chegadas que podem acontecer. Em termos de funções, estamos buscando peças ofensivas e de meio-campo”, declarou.

A tendência é que a diretoria procure um centroavante. O reserva imediato de Jenison era Marlyson, 21 anos, que sofreu uma lesão e só volta a jogar em 2020.

No elenco principal, Ramon pode substituir Jenison como centroavante – inclusive jogou nessa posição contra o Coritiba. Nas primeiras rodadas da Série B, Ramon atuou no lado esquerdo do setor ofensivo.

Matheus Costa vem usando o esquema tático 4-2-3-1. Na linha de três do setor ofensivo, vem usando João Pedro na direita, Matheus Anjos centralizado e Bruno Rodrigues na esquerda.

Para a função pelo centro, o treinador também conta com Alesson e o próprio João Pedro. Para jogar pelos lados do campo, outras opções são Ramon, Caio Rangel, Rodrigo Porto (ex-Rodrigo Carioca) e Fernando Neto.

Leia mais:  Após respaldo, Umberto Louzer teve tempo pra trabalhar e montar um novo Coritiba

Apesar de ter jogado o Paranaense como segundo volante, Fernando Neto é visto como ‘extremo’ (meia ofensivo pelo lado do campo) pelo atual técnico do Paraná.

Com isso, é pouco provável que o clube busque reforços para a posição de ‘extremo’ ou para meia centralizada. A não ser que jogadores do atual elenco deixem o clube nessa pausa para a Copa América.

VOLANTE
Quem pode deixar o clube nas próximas semanas é o volante Jhonny Lucas, 19 anos. Antes sondado por clubes europeus, o jogador agora está na mira de equipes da Ásia.

A tendência é que a diretoria procure um volante-armador, já que Matheus Costa só conta com Itaqui com essa característica. Os demais volantes (Luiz Otávio, Luan e Alejandro Márquez) são mais defensivos.

O Paraná só volta a jogar em 9 de julho, contra o Bragantino, na Vila Capanema.

Comentários Facebook

Esportes

Coritiba jogo pouco, empata com o Sport e completa cinco jogos sem perder

Publicado

O Coritiba empatou em 1 a 1 com o Sport, nessa quinta-feira (dia 1º) à noite, na Arena Pernambuco, pela 14ª rodada da Série B. Com o resultado, o time paranaense ficou em 4º lugar, com 23 pontos, mas pode perder posições até o final da rodada, no sábado. A equipe pernambucana está na 5ª colocação, também com 23 pontos, mas atrás por critérios de desempate

Com o resultado, o Sport completou oito partidas consecutivas sem perder – três vitórias e cinco empates. Como mandante, a série invicta do time pernambucano é ainda maior. A última derrota em casa foi na final do Campeonato Pernambucano – 2 a 1 para o Náutico. Já o Coritiba completou cinco jogos seguidos sem perder – três vitórias e dois empates.

Em relação ao desempenho, o Coritiba repetiu o fraco desempenho individual e tático apresentado na maioria das partidas nessa Série B. O time apresentou fragilidade na marcação, pouca criatividade no meio-campo e ataque quase inoperante. Os dez primeiros minutos da partida até empolgaram, com algumas boas tabelas. No entanto, os demais 80 minutos foram de pouco futebol e muitos erros.

TÉCNICO
Esse foi o 21º jogo do técnico Umberto Louzer no Coritiba, agora com 10 vitórias, 7 empates e 4 derrotas.

ESCALAÇÃO
O time paranaense não contava com seis jogadores: o goleiro Wilson, o meia-atacante Rafinha, o centroavante Rodrigão, o meia Giovanni, o lateral/meia Patrick Brey e o lateral-direito Felipe Mattioni. Giovanni e Rodrigão estavam suspensos. Os demais, em recuperação.

Louzer vinha usando o 4-1-4-1, mas dessa vez adotou o 4-2-3-1, com Luiz Henrique e Matheus Sales como volantes. A linha de três tinha Robson (esquerda), Thiago Lopes (direita) e Alano (centro).

O Sport não tinha o meia Leandrinho. O técnico Guto Ferreira também usou o 4-2-3-1.

Leia mais:  Após respaldo, Umberto Louzer teve tempo pra trabalhar e montar um novo Coritiba

PRIMEIRO TEMPO
O Coritiba começou melhor, com Luiz Henrique e Alano trocando passes pelo centro e acionando os pontas (Robson e Thiago Lopes). O Sport foi dominado no início e levou o gol aos 10 minutos. Alano lançou Diogo Mateus na ponta-direita. Ele cruzou rasteiro e Robson fuzilou, na cara do gol: 1 a 0. O time pernambucano conseguiu equilibrar o jogo depois disso, mas atacou de forma desorganizada. Aos 35, a arbitragem acabou favorecendo o Coxa ao não marcar pênalti claro. A imagem do Sportv deixou claro que bola bateu no braço de William Matheus.

Aos 37, Walisson Maia saiu lesionado. Entrou Rafael Lima. O jogo só teve mais uma chance de gol nessa primeira etapa. E foi para o Coritiba. Aos 46, depois de bate e rebate, a bola sobrou para Alano, que mandou sobre o gol.

SEGUNDO TEMPO
O Coritiba recuou demais no segundo tempo e parou de jogar. Aos 10, saiu Luiz Henrique e entrou o volante Vitor Carvalho. O Sport aumentou a pressão e chegou ao empate aos 14 minutos. O ponta Guilherme (ex-Coritba) deu bom passe para o lateral Norberto (ex-Coritiba). Ele dominou na área e tocou para Hernane Brocador, livre, chutar. O centroavante (33 anos, ex-Paraná, Toledo e Flamengo) é o artilheiro da equipe pernambucana na Série B, com 7 gols em 14 jogos.

ESTATÍSTICAS
Nos 90 minutos, o Coritiba somou 11 finalizações (3 certas), 42% de posse de bola, 76% de acerto nos passes e 4 escanteios. O Sport obteve 10 finalizações (4 certas), 58% de posse de bola, 83% de acerto nos passes e 7 escanteios. Os números são do site Sofascore.

SPORT 1×1 CORITIBA
Sport: Mailson; Norberto, Cleberson, Thyere e Éder; Ronaldo e Charles (Yago); Yan Souza (Sammir), Ezequiel (Juninho) e Guilherme Augusto; Hernane Brocador. Técnico: Guto Ferreira
Coritiba: Muralha; Diogo Mateus, Walisson Maia (Rafael Lima), Sabino e William Matheus; Matheus Sales e Luiz Henrique (Vitor Carvalho); Thiago Lopes, Juan Alano e Robson (Wellissol); Igor Jesus. Técnico: Umberto Louzer
Gols: Robson (10-1º) e Hernane Brocador (14-2º)
Cartões amarelos: Robson, Rafael Lima, Muralha (C). Cleberson (S).
Árbitro: Vinicius Gomes do Amaral (RS)
Local: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
6 – Thiago Lopes cruza rasteiro. A zaga tira antes que Igor Jesus complete na pequena área.
7 – Escanteio. Luiz Henrique cruza. Sabino cabeceia no alto. O goleiro espalma.
10 – Gol do Coritiba. Diogo Mateus cruza rasteiro, na medida. Robson chuta de primeira e marca.
35 – Brocador divide com Wallisson Maia. A bola bate no braço de William Matheus. O árbitro não marca o pênalti.
46 – Thiago Lopes divide com Cleberson. A bola sobra na área. Diogo Mateus cruza e Robson cabeceia. O goleiro espalma. Alano pega o rebote e manda sobre o gol.

Segundo tempo
14 – Gol do Sport. Guilherme faz boa jogada e toca para Noberto, na área. Ele cruza rasteiro e encontra Hernane livre. Ele chuta e marca.
27 – William Matheus chuta de longe. A bola vai para fora.
30 – William Matheus cruza. Robson erra o cabeceio e perde boa chance.
31 – Norberto cruza da direita. Juninho cabeceia no centro. Muralha segura.
36 – Juninho solta a bomba da meia-lua. Muralha segura no centro.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie
Brasil23 de agosto de 2019, 20:25

Bolsonaro autoriza operação das Forças Armadas na Amazônia para combater incêndios

Região Oeste22 de agosto de 2019, 16:17

O vereador Celestino Denardin (PSD), de Braganey, no oeste do Paraná, foi multado em R$ 30 mil pelo Ministério Público Estadual (MP-PR) por acessar sites com conteúdo pornográfico durante o expediente. O dinheiro será destinado aos cofres do Município. A denúncia foi apresentada ao MP-PR pelo presidente da Câmara, Adriano da Silva. Um inquérito civil foi aberto para apurar os supostos acessos dos computadores da Câmara de Vereadores e a má conduta comprovada. Segundo o MP, Professor Celestino, como é conhecido, confessou a prática e assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) se comprometendo a não acessar mais os sites pelos computadores do legislativo. Em nota, o presidente da Câmara declarou que, de acordo com o Regimento Interno, a conduta do vereador pode levar a abertura de uma investigação por quebra de decoro parlamentar. “A Câmara de Vereadores de Braganey tomará todas as providências pertinentes, não sendo conivente de forma alguma com as condutas imorais praticadas por qualquer um dos vereadores que compõem o corpo legislativo deste Município”, destacou. Até a última atualização desta reportagem, o G1 tentava contato com o vereador Celestino Denardin.

CASCAVEL22 de agosto de 2019, 16:11

Empresário acha dinheiro na rua e descobre dono pelos dados do cartão de crédito

Curitiba22 de agosto de 2019, 16:08

TJ-PR nega recurso e mantém condenação contra ex-diretor da Assembleia Legislativa do Paraná

Brasil22 de agosto de 2019, 15:21

Empresa que vai devolver a BR-040 arrecadou R$ 1,3 bilhão

Mais Lidas da Semana