Notícias

Quarta-Feira, 01 de Maio de 2019 10:34

Nervoso, rapaz é preso com arma, droga e produtos para fabricação de balões

Uma simples abordagem policial no bairro Colônia Rio Grande, em São José dos Pinhais, na região Metropolitana de Curitiba, acabou gerando um enorme problema para um rapaz de 27 anos, flagrado com arma, drogas e materiais para confecção de balões.

Ele foi abordado por uma equipe da Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam), da Polícia Ambiental do Paraná, após transitar em atitude suspeita em um veículo. O rapaz, desesperado, tentou escapar, mas foi parado na Avenida Rui Barbosa.

Ao iniciar o procedimento de abordagem, os policiais já encontraram uma pistola calibre 380 e mais um carregador com 19 munições. Questionado se teria outros produtos ilícitos, o rapaz indicou que tinha drogas em sua residência. Já no local indicado pelo rapaz, os policiais encontraram crack e cocaína e certa quantidade de dinheiro que seria produto de venda/ comercialização da droga.

Confecção de balões

Para surpresa das policiais, na residência também foi encontrado produtos relacionados à fabricação de balões. Maçaricos, papel de seda, foguetes, 17 tochas com parafina e 04 balões prontos.

Segundo a polícia, o crime é estabelecido pelo artigo 261 do Código Penal, que coloca em risco aeronaves, dificultando ou até inviabilizando a navegação aérea. Além disto, a atividade se enquadra como crime ambiental, pois pode ocasionar incêndios em áreas florestais e urbanas. A pena é a detenção de um a três anos ou multa.

Os materiais apreendidos foram encaminhados ao Batalhão da Polícia Ambiental e serão destruídos ou doados, conforme prevê a Legislação Ambiental.

Preso!

O rapaz de 27 anos segue detido na Delegacia Civil de São José dos Pinhais e responderá por porte ilegal de arma, direção perigosa, adquirir e vender drogas ilícitas e fabricar/ soltar balões.

 

Fonte: Tribuna do Paraná

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}