conecte-se conosco

Região Metropolitana

Após perder o emprego, homem oferece serviço de ‘diaristo’ e faz sucesso em Curitiba e Região

Publicado

Por G1 PR e RPC Curitiba

O paranaense Luiz Henrique Mendes, de 31 anos, está fazendo sucesso em Curitiba e Região Metropolitana com uma função não muito comum, a de ‘diaristo, como ele mesmo prefere chamar.

Ele contou que, como aprendeu a limpar a casa e fazer as tarefas do dia a dia desde pequeno, decidiu ganhar dinheiro com isso. Além de tudo, ele diz que sempre admirou o trabalho das diaristas.

Depois que perdeu o emprego, o trabalho de limpeza nas casas tem sido o único ganha pão dele. Segundo Mendes, as clientes gostam tanto do capricho, que ele ultimamente está com a agenda lotada.

A diária, segundo Mendes, custa entre R$ 160 e R$ 200. O preço varia conforme a quantidade de horas trabalhadas.

“Eu limpo tudo. A única coisa que eu não faço é lavar e passar roupa. Eu faço na minha casa, mas na casa dos clientes eu respeito porque acho que é uma questão muito íntima”, explicou.

Comentários Facebook
Leia mais:  Homem é morto a tiro após ameaçar família da ex-namorada, diz polícia

Região Metropolitana

Após perseguição, carro com alerta de roubo bate em árvore e pega fogo em São José dos Pinhais

Publicado

G1 PR

Uma perseguição a um carro com alerta de roubo em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, terminou com três pessoas feridas na noite de sexta-feira (19).

A equipe da Guarda Municipal realizava um patrulhamento no Parque da Fonte e viu um carro que foi roubado. O motorista do carro fugiu depois de receber ordens para parar.

Os guardas perseguiram o veículo por algumas quadras, até que o motorista com o carro roubado entrou na contramão, bateu em outro automóvel e em uma árvore. Na sequência, pegou fogo.

Três pessoas que estavam no carro roubado, dois homens e uma adolescente, ficaram presos às ferragens, mas foram retirados pelos guardas municipais. Eles foram levados a hospitais em estado grave.

“Um deles, o que estava mais lúcido, disse que os três praticaram o roubo. O resgate demorou um pouco porque o veículo ficou travado. Quando a gente conseguiu abrir uma das portas, tive dificuldade para retirar a menina, ela estava presa entre os bancos. Os três estavam sem cinto de segurança”, explicou o guarda municipal, Ricardo Kuch.

Leia mais:  Mulher morta por peça que se soltou de caminhão era professora da PUCPR
Após perseguição, carro bateu em uma árvore e pegou fogo — Foto: Guarda Municipal de São José dos Pinhais/Divulgação

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana