conecte-se conosco

Norte do Estado

Acidente com ônibus deixa uma pessoa morta e outras seis feridas na PR-170, em Porecatu

Publicado

G1 PR

Um acidente com um ônibus na PR-170, em Porecatu, no norte do Paraná, deixou uma pessoa morta e outras seis feridas na noite desta terça-feira (9).

Segundo a Polícia Rodoviária do Paraná (PRE), a tampa da carroceria de um caminhão se desprendeu da carreta e atingiu a parte frontal do ônibus.

O ônibus, com 20 passageiros, saiu da pista e foi parar em uma plantação de cana às margens da estrada. De acordo com a PRE, o motorista, de 44 anos, morreu.

Outras seis pessoas ficaram feridas. Uma delas foi socorrida em estado grave e levada para um hospital de Londrina.

O ônibus viajava de Araraquara, no interior de São Paulo, e tinha como destino Londrina, também no norte do estado.

O caminhão foi apreendido pela polícia, pois não tinha autorização para trafegar naquele momento.

Comentários Facebook
Leia mais:  Homem suspeito de importunação sexual contra freira ficará preso preventivamente

Norte do Estado

Moradores de Cianorte enfrentam filas para conseguir marcar exames

Publicado

G1 PR

Moradores de Cianorte, no noroeste do Paraná, enfrentam filas e baixas temperaturas para conseguir marcar exames pelo Sistema Único Saúde (SUS). Distribuição de senhas para agendar os procedimentos ocorre uma vez ao mês.

Alguns pacientes reclamam ter que aguardar na fila desde a madrugada, no Extensão do Núcleo Integrado de Saúde. A dona de casa Vera Bitencurt, conta que há moradores desde as primeiras horas da madrugada no local.

“Depois do almoço, aqueles que ficarem, eles continuam dando os exames. Acho que é o medo de não conseguir para todos”, disse.

De acordo com os funcionários do posto de saúde, são distribuídas aproximadamente 150 senhas pela manhã e mais 150 para o período da tarde.

Entretanto, antes mesmo da distribuição de senhas oficiais, os pacientes se organizam em ordem de chegada com senhas improvisadas.

“É sempre assim. Hoje está mais calmo, mas por causa do frio, as pessoas deixam para vir mais tarde”, disse a babá Rosa Brizzi.

Leia mais:  Presos libertam refém e encerram rebelião na cadeia de Ibaiti

A Prefeitura de Cianorte disse que não há necessidade de que os pacientes cheguem de madrugada no posto de saúde. O município reconhece que, como a população atendida pela Extensão do Núcleo Integrado de Saúde é a maior do município, as vagas duram menos tempo do que nos demais postos.

Mesmo assim, segundo a prefeitura, são garantidos os exames a todos que comparecem ao local no dia da liberação, independentemente do horário.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana